sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Fnac dá descontos para quem vai ao cinema, teatro, museus e shows


Ingressos de espetáculos culturais podem ser trocados por descontos em livros, CDs e DVDs

Até o dia 16 de março de 2014, a Fnac, a maior rede mundial de lojas de produtos de cultura e informação, promove no Brasil a campanha Salvem os Ingressos! Qualquer ingresso de espetáculos e programas culturais, como cinema, teatro, museus e shows, pode ser trocado nas lojas Fnac por descontos de 10% na compra de livros, CDs e DVDs.

Para obter o desconto, basta apresentar um ingresso no caixa, na hora da compra. Esta campanha de promoção dos espetáculos e programas culturais é válida em todas as lojas físicas da Fnac no Brasil.

Comemorando 60 anos de existência e 15 anos de atuação no Brasil, a Fnac tem uma história marcada pelo incentivo à cultura. Segundo Mariana Manita, gerente de Comunicação & Marketing da Fnac Brasil, “reconhecemos o esforço de quem investe em cultura, tanto quem consume quanto quem produz. Para a Fnac é sempre muito importante promover as mais diversas manifestações culturais e incentivar o público a ter acesso a elas, seja dentro ou fora das nossas lojas”.

A Fnac sedimentou no Brasil o conceito de que comprar produtos culturais e de informação pode ser um bom programa para toda a família. No Fórum Fnac, espaço obrigatório a todas as lojas, são realizados em média cerca de 200 eventos culturais gratuitos por ano em cada loja, entre shows, palestras, bate-papos com autor, exposições e sessões de autógrafos, o que propicia aos criadores encontrar-se com um público cada vez maior. Em cada loja Fnac, existe um espaço dedicado às crianças, o Fnac Kids, e uma Bilheteria, com ingressos para os principais eventos culturais da cidade e região, mais uma maneira de tornar a produção cultural mais acessível ao grande público. Na Galeria de Fotos, uma programação com fotógrafos de renome internacional, além de novos e promissores talentos.

Mais informações podem ser obtidas no site www.salvemosingressos.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário