segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Mostra “Túnel da Ciência”, inédita no País, estreia em São Paulo


Exposição interativa e multimídia estará aberta ao público gratuitamente até 21 de fevereiro

Texto e Foto: Assessoria de Imprensa

A Volkswagen do Brasil é apoiadora premium da exposição multimídia “Túnel da Ciência Max Planck”, que estará aberta gratuitamente ao público de hoje (30 de janeiro) a 21 de fevereiro no Centro de Convenções do Shopping Frei Caneca, em São Paulo. A mostra foi inaugurada ontem (29/1) em evento para convidados que contou com a presença do vice-presidente de Recursos Humanos da Volkswagen do Brasil, Holger Rust; do Ministro da Ciência, Tecnologia e Inovação, Marco Antonio Raupp, entre outras autoridades. Direcionada a visitantes acima de 12 anos, a mostra é uma das maiores e mais interativas do mundo na área de educação para as ciências. Inédita no Brasil, a exposição já esteve em 20 países e recebeu mais de nove milhões de visitantes desde o ano 2000. O “Túnel da Ciência” faz parte da “Temporada Alemanha + Brasil 2013-2014”, que tem a Volkswagen do Brasil como patrocinadora premium.

Na exposição “Túnel da Ciência”, a Volkswagen apresenta a “MicroCity” por meio de uma maquete de Lego; nela, a Volkswagen dá ideias de como podem ser os carros em uma cidade futurista. A “MicroCity” é um centro de mobilidade, onde o uso de veículos é ainda mais fácil e atraente para os clientes; nessa cidade imaginária há utilização do espaço de maneira altamente eficiente, estacionamentos convenientes e seguros, infraestrutura de carregamento confiável para mobilidade elétrica, opções de mobilidade como compartilhamento de carros, entre outras soluções inovadoras.

“Ao apoiar o ‘Túnel da Ciência Max Planck’, a Volkswagen do Brasil oferece a toda família uma oportunidade de ampliar conhecimentos na área científica, tendo acesso a inovações capazes de transformar o mundo e a sociedade”, afirmou o vice-presidente de Recursos Humanos da Volkswagen do Brasil, Holger Rust.

A mostra “Túnel da Ciência” é realizada pela Sociedade Max Planck, que também conta com patrocínio da Volkswagen. Trata-se de uma das instituições de pesquisa mais importantes do mundo, com mais de 5.300 cientistas e 17 prêmios Nobel. A Sociedade Max Planck é uma organização alemã de pesquisa independente e sem fins lucrativos que realiza estudos nas áreas de ciências naturais e humanas.

“Túnel da Ciência Max Planck”

A exposição “Túnel da Ciência Max Planck” aborda grandes descobertas em pesquisa, além de revelar oportunidades científicas e tecnológicas para as inovações mais transformadoras do futuro. A mostra pretende estimular a curiosidade sobre a importância da ciência e da inovação.

Criado em 2000, o “Túnel da Ciência” conta com três versões. A versão 3.0, que será apresentada no Brasil, é a mais recente – lançada na Rússia em 2013 – e está distribuída em oito módulos:

Universo - Dos quarks ao cosmos: A imagem do universo, segundo a percepção humana, tem mudado radicalmente nos últimos anos. Modernos telescópios possibilitaram à comunidade científica internacional buscar respostas além dos limites conhecidos até então, como a descoberta de que a maior parte do cosmo consiste em matéria negra e energia negra. Agora os cientistas se ocupam de coletar amostras e analisar dados para chegar a novas respostas.

Matéria - Design do mundo microscópico: A expectativa é que daqui em diante a matéria seja criada a partir de uma prancheta, molécula por molécula, átomo por átomo. Desenhadas e adaptadas às propriedades requeridas. Essa “nova matéria” é a esperança para diversas soluções e desafios da humanidade, como o combate ao envelhecimento e a eficiência energética.

Vida - Dos elementos aos sistemas: As pesquisas realizadas pelas biociências são vastas, caminham desde os processos celulares até a composição de ecossistemas complexos. As tentativas mais recentes da ciência são utilizar a imensidão de informação disponível e reagrupá-las, a fim de tecer teorias abrangentes sobre a vida, conectando informações detalhadas das estruturas mais ínfimas com as características, funções e interações de seus ecossistemas. Isso possibilitaria aos cientistas proporem conclusões mais verossímeis sobre as mudanças do ecossistema terrestre e demonstrarem melhor as perspectivas de intervenção humana na vida e a possibilidade real de recriá-la.

Complexidade - Dos dados à compreensão: Nosso mundo tem se tornado mais interconectado e, consequentemente, complexo. Atitudes simples gerando processos de mudanças em cadeia; o caos como elemento determinante das leis naturais dos sistemas. Assim, cientistas passam a identificar novos caminhos, deixam de tentar entender e controlar o mundo em detalhes redutores, mas concentram esforços no estudo de interações e contextos gerais.

Cérebro - Fábrica de maravilhas na cabeça: 100 bilhões de neurônios conectados em uma complexa estrutura de rede, o cérebro é o responsável por determinar nossas percepções, pensamentos, sentimentos e ações. Dependente da predisposição genética e influenciado por fatores ambientais e processos de aprendizado, o cérebro humano continua um mistério no que diz respeito a como funcionam os principais fenômenos mentais. A causa: a extraordinária complexidade dos padrões de excitação que se formam em rede.

Saúde - Pesquisa para a medicina do futuro: Expectativas de vida crescentes, tratamentos mais eficientes, melhores e com menor efeito colateral, diagnósticos prematuros e precisos, centros de tratamento e uso de robótica em operações delicadas: a revolução médica chegou. Mas, para quem? Em índices globais, o maior desafio da pesquisa médica é o confronto da desigualdade médica e do desenvolvimento da pesquisa internacionalmente.

Energia - Vida no Antropoceno: O acesso à energia é a chave elementar no desenvolvimento da humanidade. No entanto, a maioria da energia que utilizamos hoje é proveniente de recursos finitos, como o uso de combustíveis fósseis. Eficiência energética e uso de energia limpa são soluções intermediárias ao modelo atual, porém, cientistas desenvolvem pesquisas que propõem uma solução definitiva, o uso de energia renovável, como fotossínteses artificiais e tecnologias de fusão, baseadas na estrutura solar.

Sociedade - O mundo em mobilidade: A integração global do comércio, serviços, política, cultura, direito e comunicação tem transformado as relações humanas e a própria estrutura de nossas instituições e Estados. O resultado é uma profunda mudança social, que afeta diretamente o modo de viver em todos os setores sociais. A dificuldade do desenvolvimento das ciências humanas, no entanto, está justamente nesse processo global, com a finalidade de entender e prever os fenômenos sociais e melhor preparar o indivíduo para os desafios desse mundo conectado.

O “Túnel da Ciência Max Planck” apresenta imagens, gráficos, exposições, vídeos de entrevistas e animações. Um guia digital da mostra conduz o visitante ao mundo das pesquisas da Sociedade Max Planck. No final, os visitantes terão a oportunidade de propor suas perguntas e enviá-las por meio do “Túnel da Ciência”, interagindo, posteriormente, com as outras sedes do evento.

Sobre a Temporada Alemanha + Brasil 2013-2014

A “Temporada Alemanha + Brasil 2013-2014”, que tem a Volkswagen do Brasil como uma das patrocinadoras premium, foi aberta em maio de 2013 e prossegue até maio de 2014 sob o lema “Quando ideias se encontram”. Inúmeros eventos estão sendo realizados em todo o Brasil. O objetivo é apresentar uma autêntica e moderna imagem da Alemanha aliada à economia e à cultura, bem como ao desenvolvimento da ciência, tendo a parceria com o Brasil como princípio. Sua principal mensagem é mostrar como uma parceria confiável e inovadora com o Brasil, que já funciona há décadas, pode oferecer soluções para questões do futuro nas áreas econômica, cultural e científica, sob as bases da confiança mútua e valores agregados.

A temporada é uma iniciativa do Ministério das Relações Exteriores da Alemanha. Os realizadores do projeto são o BDI Brazil Board, Goethe-Institut (GI), Ministério de Educação e Pesquisa da Alemanha (BMBF) e o Ministério para Cooperação e Desenvolvimento da Alemanha (BMZ). Do lado brasileiro, a Temporada tem o apoio da Agência Alemã de Cooperação Internacional (GIZ), da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK), do Centro Alemão de Ciência e Inovação - São Paulo (DWIH-SP), da Confederação Nacional da Indústria (CNI), do Ministério da Cultura do Governo Federal do Brasil e do Serviço Social do Comércio (SESC).

Serviço

“Túnel da Ciência Max Planck”
Exposição: 30 de janeiro a 21 de fevereiro de 2014
Local: Centro de Convenções do Shopping Frei Caneca (Rua Frei Caneca, 569, 6º andar, São Paulo)
Classificação: 12 anos
Horários: Segunda a sexta-feira, das 8h às 19h. Sábados e domingos, das 12h às 19h
Entrada: gratuita (ingresso deve ser retirado no local)


Mais informações: www.tuneldaciencia.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário