quinta-feira, 20 de março de 2014

Abertas as inscrições para o concurso “Volkswagen na Comunidade”


Edição oferecerá total de R$ 400 mil em prêmios para dez organizações

Texto e Foto: Assessoria de Imprensa

A Fundação Volkswagen, que coordena os investimentos sociais da Volkswagen do Brasil há 34 anos, acaba de abrir inscrições para a 7ª edição do concurso anual “Volkswagen na Comunidade”, até o dia 11 de abril, por meio de seu site (www.fundacaovw.com.br). Nesse período, os colaboradores da Volkswagen do Brasil podem inscrever projetos sociais no concurso, que em seu histórico, já entregou 52 prêmios, totalizando R$ 1,8 milhão, e beneficiou 9.666 pessoas diretamente. Nas seis edições, foram inscritos 2.276 projetos provenientes de 20 Estados brasileiros.

O “7º Volkswagen na Comunidade” entregará um total de R$ 400 mil em prêmios aos dez projetos sociais vencedores, sendo R$ 40 mil para cada. A quantia recebida pelas organizações sem fins lucrativos, que coordenam esses projetos, deve ser investida em ações de transformação social. Dos dez vencedores, nove correspondem aos melhores projetos inscritos na edição atual do concurso. O outro vencedor receberá o “Prêmio de Sustentabilidade”, no mesmo valor em dinheiro, que será entregue à instituição vencedora do “6º Volkswagen na Comunidade” que melhor geriu, durante o ano todo, os recursos recebidos na última edição. Além do prêmio em dinheiro, as dez organizações vencedoras também ganham curso de gestão, para melhor administrar seus projetos sociais e o investimento da quantia recebida.

Incentivo ao engajamento social

O “Volkswagen na Comunidade” também incentiva o engajamento social dos colaboradores da Volkswagen do Brasil, que são responsáveis por inscrever no concurso os projetos nos quais já desenvolvem trabalhos voluntários.

“O concurso ‘Volkswagen na Comunidade’ é um projeto muito importante da Fundação Volkswagen, pois além de contribuir para a sustentabilidade de organizações sociais, promove o engajamento social de nossos colaboradores. A Volkswagen é uma empresa que se preocupa com o bem-estar social e demonstra isso por meio de programas e ações sustentáveis desse tipo”, afirma o vice-presidente de Recursos Humanos da Volkswagen do Brasil e presidente do Conselho Curador da Fundação Volkswagen, Holger Rust.

Viabilizando transformações sociais

O "Volkswagen na Comunidade" permite a viabilização de projetos sociais, em diversos aspectos. "Além do prêmio em dinheiro, o qual permitirá que muitos projetos sociais saiam do papel ou sejam desenvolvidos, o ‘Volkswagen na Comunidade’ oferece o curso de gestão aos vencedores. Com essas aulas, os responsáveis pelas organizações vencedoras terão condições de dar continuidade aos projetos de forma estruturada, aprendendo também a administrar a instituição e seus recursos de maneira sustentável”, afirmou o superintendente da Fundação Volkswagen, diretor de Assuntos Jurídicos da Volkswagen do Brasil e responsável pelo tema Sustentabilidade na empresa, Dr. Eduardo de Azevedo Barros.

Fundação Volkswagen soma mais de 1,3 milhão de alunos atendidos

A Fundação Volkswagen, por meio de seus projetos educacionais, já beneficiou na última década, até o fechamento de 2013, 1.325.224 alunos em todo Brasil e ofereceu formação continuada a 15.993 educadores da rede pública de ensino de 386 cidades. No período, 1.976 escolas e instituições foram beneficiadas. Os projetos de educação também apresentam resultados expressivos na frequência de participação de alunos em aulas e na melhoria do desempenho escolar. Além dos projetos de Educação, a Fundação Volkswagen também oferece iniciativas com foco no Desenvolvimento Social de comunidades de baixa renda.

Em 2014, a Fundação Volkswagen ampliou para 12 o número de Estados brasileiros já atendidos em todo seu histórico de atuação, ao chegar na Bahia. Além da Bahia, os outros Estados já atendidos pela Fundação Volkswagen são Alagoas, Ceará, Espírito Santo, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro e São Paulo.



A estratégia de atuação da Fundação Volkswagen baseia-se no desenvolvimento de um trabalho articulado em rede, por meio de parcerias entre os setores público, privado e a sociedade civil organizada (Organizações não-governamentais - ONGs), para, conjuntamente, implementar projetos que influenciem políticas públicas e que sejam sustentáveis a longo prazo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário