sexta-feira, 22 de maio de 2015

Raquel Coutinho apresenta seu novo álbum com performance exclusiva no Sesc Belenzinho


A cantora mineira Raquel Coutinho dará o pontapé inicial para o lançamento do CD MINERAL no Teatro do Sesc Belenzinho no dia 24 de maio, domingo, às 18h. O CD, produzido por Marcos Suzano, Maurício Negão e a própria Raquel Coutinho, traz na sonoridade os tambores de Minas mesclado com sons urbanos atuais, concebido depois que a cantora se mudou para o Rio de Janeiro.

A cantora - e também percussionista - é uma artista criadora de sons, grooves, letras e compositora de paisagens sonoras.  E neste trabalho as parcerias com Maurício Negão, Notini, Sacha Amback e JR Tostoi vieram a somar com a atual fase de Raquel. Toda a costura do conceito do CD foi permeada pela fusão de batuques orgânicos com células programadas com cérebro eletrônico.  A mixagem ficou a cargo de Suzano e JR Tostoi (membro da banda Vulgue Tostoi e músico e produtor de Lenine, entre outros artistas), que trabalha com o conceito de "design de som". Raquel buscou com ele traduzir em som o conceito do que chamou ‘mineral’, direcionando os caminhos que pretendia. No entanto, ela considera que foi “um disco colaborativo”, em que todos estão presentes como criadores ao seu lado.

Além das oito músicas que compõem o CD (“Me leva”, “Estranho Jardim”, “Gris”, “Hoje Pode Ser”, “O que não se vê”, “Tão perto”, “Sigo Cantando” e “A volta do vagabundo”), MINERAL conta com as faixas bônus “Sigo Cantando” (Remix) e “Underground demais pra cidade”. O show também terá no repertório uma releitura da canção “Luzes”, em cima do poema de Paulo Leminski, e algumas músicas de seu primeiro CD, OLHO D´AGUA (disco de estreia em 2009), produzido por Jongui, e que teve sua estreia no Montreux Jazz Festival (2010) e foi muito elogiado pela crítica, que apontou Raquel como uma criadora original. Raquel também já se apresentou no Joe’s PUB - Nova York (2009), Empty Bottle - Chicago (2009), Festival de Folclore-Buenos Aires (2011), além de shows no Brasil.

A banda que vai acompanhá-la é formada por Marcos Suzano (percussão), Sacha Amback (teclados e samplers) e André Valle (guitarra). O cenário é de Fabio Delduque, projeções de Carlos Pedreañez e figurino de Dudu Bertholini. Delduque criou da arte gráfica de Mineral com Eduardo de Souza sobre fotos de Ana Migliari e João Bertholini, ilustrações de Manuela Romeiro e styling de Dudu Bertholini.
Tudo isto será mostrado ao vivo, com Raquel Coutinho mostrando o rufo dos tambores e a sua forte presença cênica. A apresentação da cantora integra o projeto Estação Brasileira, que contempla nomes consagrados e artistas da nova geração privilegia a música popular feita no Brasil, caracterizada pela riqueza rítmica e melódica, e a multiplicidade de influências.

SERVIÇO

RAQUEL COUTINHO – LANÇAMENTO DO CD MINERAL
(Participação especial: BNegão)
Data: 24/05/2015 - domingo.
Horário: 18h
Local: Sesc Belenzinho - Teatro.
Endereço: Rua Padre Adelino, 1000
Belenzinho – São Paulo (SP)
Telefone: (11) 2076-9700
Site: www.sescsp.org.br/belenzinho
Não recomendado para menores de 18 anos.

Ingressos à venda pelo Portal Sesc SP (www.sescsp.org.br), a partir de 12/05/2015, às 18h30, e nas unidades, a partir de 13/05/2015, às 17h30:
R$ 30,00 (inteira); R$ 15,00 (usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino). R$ 9,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes).

Estacionamento
Para espetáculos com venda de ingressos:
R$ 6,00 (não matriculado);
R$ 3,00 (matriculado no SESC - trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo/ usuário).

Nenhum comentário:

Postar um comentário