quarta-feira, 2 de maio de 2018

Uruguai tem uma infinidade de atrações durante o outono




Estação deixa o país ainda mais charmoso 

No Uruguai é possível apreciar as cores do outono, com inúmeras atividades para toda a família: natureza, cultura, tradição, história e diversão esperam pelo turista em todo o país. O outono é uma estação perfeita para explorar as cidades, conectar-se com a natureza e descobrir novas atrações culturais. 


Ir ao teatro, passear em parques, participar de eventos esportivos e dar a si mesmo a oportunidade de experimentar novos sabores e novas formas de turismo, são algumas das atividades imperdíveis nesta época. O turismo rural é uma opção para quem quer se desconectar nos feriados que vêm pela frente durante essa estação. 

Independente do roteiro, paisagens exuberantes à pouca distância o esperam. A malha rodoviária e os caminhos levam o turista rapidamente ao Rio Negro e Rio Uruguai. As diversas áreas protegidas possibilitam o turismo rural, além dos hotéis que oferecem uma variedade de ofertas, principalmente nos meses de abril e maio, onde o turismo fica um pouco mais pacato. 

As estancias uruguaias, assim como os estabelecimentos com arquitetura antiga, possuem um número limitado de quartos – assegurando atenção personalizada, Estancia San Pedro del Timote, Posada La Vigna, Posada Martín Pescador, Estancia Los Plátanos e Estancia Yvytu Itaty são algumas delas. Suas lindas paisagens são dedicadas especialmente às atividades rurais para o turista curtir uma aventura diferente, com a possibilidade de desfrutar da simplicidade do campo como observar pássaros, praticar a pescaria nos rios e lagoas, cavalgadas e safaris ecológicos. 

E no final de tudo isso, como quando cai a noite chega o friozinho, os visitantes podem desfrutar de excelentes vinhos, de vinícolas espalhadas por todo o país como: Campo Tinto, Viña Edèn, Pizzorno, Bouza e Garzón. Além de todos os restaurantes e bares possuem marcas de vinhos locais. O Uruguai possui uma posição privilegiada que permite a produção de safras excepcionais: são mais de 9 mil hectares de área cultivadas e colheitadas a mão em todo território.

Nenhum comentário:

Postar um comentário