Esse Clássico Rock’n’roll


Turnê Trampa Sinfônica chega a São Paulo para apresentar sua mistura de batutas e baquetas.
Apresentação, que acontece dia 13 de setembro, às 19h, na Galeria Olido, une o rock da banda Trampa ao clássico da Orquestra Filarmônica do Brasil. Entrada é gratuita!

A elegância dos movimentos da música clássica e a fúria do rock. Riffs de guitarras ampliados pelo conjunto de cordas e sopro de uma orquestra. A delicadeza da batuta e o vigor das baquetas. Duas realidades aparentemente distantes, mas que pertencem ao mesmo mundo: o da música. A mistura entre esses ritmos é o que banda brasiliense Trampa e a Orquestra Filarmônica do Brasil apresentam, dia 13 de setembro (terça-feira), às 19h, na Galeria Olido, em São Paulo, no projeto Trampa Sinfônica.

A turnê, que já passou por Brasília, Recife, Belo Horizonte e Rio de Janeiro, é uma homenagem ao seu idealizador, o grande maestro Silvio Barbato, morto no acidente com o voo 447 da Air France, em 2009. No setlist do show estão versões sinfônicas do repertório da banda Trampa criadas por Barbato. A apresentação de São Paulo conta com as participações especiais do guitarrista Dillo Daraujo e do maestro Joaquim França. A entrada é gratuita.

O Trampa Sinfônica é uma realização da Vê Cultura, Governo Federal e Ministério da Cultura, com o patrocínio da Vale.

Rock sinfônico
Em 2007, o maestro Silvio Barbato, ex-regente da Orquestra Sinfônica de Brasília e da Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, foi apresentado ao rock da banda Trampa, que estreava no cenário independente da cidade. Impressionado com o trabalho do grupo, o maestro teve a ideia de desenvolver um projeto que juntasse as pontas entre o rock e o erudito.

Maestro versátil, Barbato, que já tinha orquestrado canções da Legião Urbana, criou arranjos sinfônicos para as músicas da banda. Assim, o projeto Trampa Sinfônica foi lançado em 2008 e foi o primeiro no País a reunir uma banda de rock e uma orquestra num mesmo palco.

O grupo se preparava para lançar um DVD em 2009, gravado no Teatro Nacional, em Brasília, mas devido à morte do maestro no acidente do vôo da Air France, os planos foram adiados. A nova turnê, que agora passa por São Paulo, celebra o lançamento do DVD e presta uma homenagem ao seu idealizador.

Em cada cidade que passa, o Trampa Sinfônica conta com a participação de uma importante orquestra local, sempre sob a regência do maestro convidado Joaquim França. Em São Paulo, participa a Orquestra Filarmônica do Brasil.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Interior mineiro recebe o passeio off-road Suzuki Day

Condomínio Visniec volta para curta temporada no Viga Espaço Cênico

Moacyr Franco volta aos palcos para comemorar 60 anos de carreira