Pular para o conteúdo principal

“Dançando em Lúnassa” reestreia em fevereiro no Viga Espaço Cênico


Espetáculo protagonizado pelas atrizes Denise Weinberg, Sandra Corveloni e Clara Carvalho

A Cia Ludens após temporada de 04 meses do espetáculo Dançando em Lúnassa em 2013, com 03 estrelas da Revista Veja São Paulo e do jornal Folha de São Paulo e indicação de melhor atriz (Denise Weinberg) ao prêmio Quem de Teatro, reestreia dia 19 de fevereiro no Viga Espaço Cênico.

Nesta montagem, o diretor Domingos Nunez segue a linha de pesquisa de outros trabalhos da companhia, que tem buscado um diálogo entre a dramaturgia irlandesa contemporânea e a realidade brasileira. No caso de Dançando em Lúnassa, e na obra de Brian Friel como um todo, aspectos da linguagem constituem a essência a partir da qual a ação da peça evolui.

Dançando em Lúnassa é o maior sucesso de Friel, já tendo sido encenada no mundo inteiro. No Brasil, a primeira montagem foi a da Cia Ludens, em 2004. A peça já esteve em cartaz na Broadway e foi adaptada para o cinema com o título em português A Dança da Paixões, com Meryl Streep no elenco.

O espetáculo se passa na pequena cidade fictícia de Ballybeg, em 1936, no momento em que a chegada de um rádio e o retorno de um padre missionário da África transformam a vida de cinco mulheres para sempre. Na transição de uma sociedade rural irlandesa que começa a se industrializar, Michael, o narrador, relembra eventos que marcaram sua vida: a chegada do rádio; a visita de seu pai; o retorno do tio doente da África e a transformação nas vidas de sua mãe e tias. Intercaladas à narração, as cenas desvelam o cotidiano dessas cinco irmãs: seus afetos, paixões e desapontamentos. Às vésperas do festival em homenagem ao Deus pagão da colheita, Lugh, revelações importantes vêm à tona: a verdadeira crença do padre Jack, os propósitos quiméricos do pai de Michael e o colapso da estrutura familiar dessas mulheres calcada em princípios patriarcais, cristãos e hipócritas, que já não conseguem oferecer respostas a um mundo industrial e capitalista, anunciado pela chegada de fábricas e máquinas. A seu modo, com humor, cantando e dançando, as irmãs Mundy sinalizam o papel fundamental e mesmo revolucionário que as mulheres irão representar nessa nova ordem que se anuncia.

Fazem parte do elenco de Dançando em Lúnassa as premiadas atrizes Denise Weinberg (ganhadora dos prêmios APCA, Mambembe, Molière e Shell de teatro e sete prêmios em cinema), Sandra Corveloni (Palma de Ouro no Festival de Cannes, melhor atriz no Festival de Havana, Qualidade Brasil e Prêmio Contigo) e Clara Carvalho (vencedora dos prêmios Shell, Qualidade Brasil, APCA e Mambembe). Completam o elenco os atores Mário Borges, Renato Caldas, Amazyles de Almeida, Fernanda Viacava, Isadora Ferrite e Bruno Perillo.

Serviço

LOCAL: Viga Espaço Cênico (Rua Capote Valente, 1323 – entre as ruas Heitor Penteado e Amália de Noronha, próximo ao metrô Sumaré), 74 lugares.
DATA: 19/02 até 10/04 (Quarta e Quinta às 21h)
INGRESSOS: R$ 30,00 e R$ 15,00 (meia-entrada)
INFORMAÇÕES: 3801 1843
DURAÇÃO: 110 minutos
CLASSIFICAÇÃO: 12 anos

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Interior mineiro recebe o passeio off-road Suzuki Day

Cidade de Gonçalves será palco do encontro dos Suzukeiros
A cidade turística de Gonçalves, no sul do estado de Minas Gerais, será o próximo destino do passeio off-road Suzuki Day, que levará os participantes por belas trilhas em meio à Serra da Mantiqueira. O passeio não tem restrição de idade e foi criado para que os participantes possam provar e testar seus Suzuki no fora-de-estrada.

“Gonçalves tem ficado cada vez mais conhecida pelas belas paisagens e ótimos serviços de hospedagem e gastronomia. Além disso, as trilhas são bem bacanas para o off-road”, adianta Fernando Julianelli, diretor de marketing da Suzuki Veículos.

Talentos do "School of Rock" participam da São Paulo Oktoberfest 2019

Clássicos do rock agitam agitam a lineup do evento
A terceira edição da São Paulo Oktoberfest anunciou a School of Rock como parceira do evento. Uma parte da música da festa será levada pela escola. O palco Rock será equipado com instrumentos fornecidos pela rede e o lineup contará com nove bandas formadas por alunos School of Rock de 12 a 17 anos e o repertório, é claro, será composto por clássicos do rock nacional e internacional. 

“Esta parceria compartilha um dos conceitos prioritários da São Paulo Oktoberfest, que é o de valorizar o jovem talento por meio de iniciativas que promovam a participação dos estudantes não só como público visitante ou expectador, mas como como verdadeiros atuantes neste evento de grande visibilidade para todo o Brasil”, afirma embaixador da São Paulo Oktoberfest, Walter Cavalheiro Filho. 

Primeira parte da sétima e última aventura da série Harry Potter ganha novos pôrteres

Um dos filmes mais aguardados do ano, Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1, ganha novos pôsteres de divulgação. O clima sombrio da épica batalha final entre as forças do bem e do mal é evidenciado nas duas séries especiais de imagens “caught” e “action”.

As frases “Não confie em ninguém” e “Nenhum lugar é seguro” acompanham Harry, Hermione e Ron nas artes. Na série “action” os heróis aparecem isolados em cada um dos pôsteres, machucados e prontos para a batalha em pontos distintos da cidade. Na arte “caught”, Hermione aparece com Harry na primeira imagem e na outra com Ron e o clima de desconfiança é evidenciado.

Os vilões da saga também aparecem prontos para a batalha nos novos pôsteres. Com varinhas em punho, Voldemort e companhia aparecem em imagens ameaçadoras com a inscrição “A caçada começa”.

A Parte 1, com estreia marcada para 19 de novembro, tem início quando Harry, Ron e Hermione saem em uma perigosa missão para encontrar e destruir o segredo da imortalidade e poder…