Pular para o conteúdo principal

Projeto forma bateria de escola de samba com deficientes intelectuais


Iniciativa recebe elogios de nomes do samba como Leci Brandão e Gaviões da Fiel

A música está presente em diversas situações da vida humana, sendo uma das formas de linguagem que mais expressam sentimentos, sensações e pensamentos. Quando a música é levada a pacientes com deficiência intelectual gera resultados importantes como estimulação psicomotora,  qualidade de vida, autoestima e recreação. Pensando nos benefícios que a música proporciona, dois voluntários da instituição Casa de David criaram um desafio: montar uma bateria de escola de samba formada exclusivamente por pacientes com deficiência intelectual e com deficiência física associada.

Roberto Atihé, empresário do ensino de idiomas e de shows e André Rodriguez, dentista, ambos amantes e atuantes no carnaval de São Paulo, buscaram com amigos do samba doações de instrumentos usados e começaram a ensinar um grupo pequeno de pacientes. No mesmo dia o grupo aumentou e decidiram dividi-los de acordo com as habilidades em 2 grupos: Recreação Sambística para os pacientes mais comprometidos e Bateria Superação para os que apresentaram maior habilidade rítmica.

Convidado por Roberto, o Músico e Diretor de Bateria Raphael Moreira assumiu o comando do segundo grupo e em apenas 10 aulas os pacientes da Bateria Superação foram convidados para diversas apresentações, dentre elas um Festival de Dança e uma feira internacional de terceiro setor, a OngBrasil. Nesta ultima estavam presentes representantes da escola de samba Gaviões da Fiel que ficaram impressionados. Outro nome do mundo do samba que conheceu o projeto foi a cantora Leci Brandão e também ficou impressionada e fez questão de cantar junto com os assistidos.

Dra Cleize Bellotto, coordenadora da Casa de David, afirma que o projeto já é um sucesso pois, os assistidos apresentam melhoras consideráveis em aspectos da saúde mental, corporal e social: “ Apesar de todas as dificuldades, eles conseguem se superar a cada dia. O projeto melhorou a concentração, o espírito de equipe e até mesmo diminuiu surtos e estereotipias. A assistida Angélica, por exemplo, que continuamente tinha surtos e depressão, teve a autoestima elevada, passou a se relacionar melhor com os colegas e raramente tem surtos.”

Roberto ressalta que a grande mudança, na verdade, ocorre em quem assiste “em todas as apresentações vimos que o que essa turma consegue extrair de sorrisos e emoção, me faz ter a certeza de que estamos no caminho certo”. Ele também diz que o desafio hoje é captar patrocinadores para melhorar os instrumentos e o figurino e assim realizarem mais apresentações incluindo mais assistidos. Já a assistida Fabiana de Souza sonha alto “quero uma escola de samba toda da Casa de David para tocar lá no Sambodromo. Todo mundo vai saber que a gente também consegue fazer samba.”

As aulas do projeto acontecem todos os sábados, na instituição que fica localizada na Rodovia Fernão Dias, km 82 São Paulo/SP. Para mais informações acesse www.casadedavid.org.br ou ligue 2453-6600.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Interior mineiro recebe o passeio off-road Suzuki Day

Cidade de Gonçalves será palco do encontro dos Suzukeiros
A cidade turística de Gonçalves, no sul do estado de Minas Gerais, será o próximo destino do passeio off-road Suzuki Day, que levará os participantes por belas trilhas em meio à Serra da Mantiqueira. O passeio não tem restrição de idade e foi criado para que os participantes possam provar e testar seus Suzuki no fora-de-estrada.

“Gonçalves tem ficado cada vez mais conhecida pelas belas paisagens e ótimos serviços de hospedagem e gastronomia. Além disso, as trilhas são bem bacanas para o off-road”, adianta Fernando Julianelli, diretor de marketing da Suzuki Veículos.

Talentos do "School of Rock" participam da São Paulo Oktoberfest 2019

Clássicos do rock agitam agitam a lineup do evento
A terceira edição da São Paulo Oktoberfest anunciou a School of Rock como parceira do evento. Uma parte da música da festa será levada pela escola. O palco Rock será equipado com instrumentos fornecidos pela rede e o lineup contará com nove bandas formadas por alunos School of Rock de 12 a 17 anos e o repertório, é claro, será composto por clássicos do rock nacional e internacional. 

“Esta parceria compartilha um dos conceitos prioritários da São Paulo Oktoberfest, que é o de valorizar o jovem talento por meio de iniciativas que promovam a participação dos estudantes não só como público visitante ou expectador, mas como como verdadeiros atuantes neste evento de grande visibilidade para todo o Brasil”, afirma embaixador da São Paulo Oktoberfest, Walter Cavalheiro Filho. 

Primeira parte da sétima e última aventura da série Harry Potter ganha novos pôrteres

Um dos filmes mais aguardados do ano, Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1, ganha novos pôsteres de divulgação. O clima sombrio da épica batalha final entre as forças do bem e do mal é evidenciado nas duas séries especiais de imagens “caught” e “action”.

As frases “Não confie em ninguém” e “Nenhum lugar é seguro” acompanham Harry, Hermione e Ron nas artes. Na série “action” os heróis aparecem isolados em cada um dos pôsteres, machucados e prontos para a batalha em pontos distintos da cidade. Na arte “caught”, Hermione aparece com Harry na primeira imagem e na outra com Ron e o clima de desconfiança é evidenciado.

Os vilões da saga também aparecem prontos para a batalha nos novos pôsteres. Com varinhas em punho, Voldemort e companhia aparecem em imagens ameaçadoras com a inscrição “A caçada começa”.

A Parte 1, com estreia marcada para 19 de novembro, tem início quando Harry, Ron e Hermione saem em uma perigosa missão para encontrar e destruir o segredo da imortalidade e poder…