28 de agosto de 2022

Tutor não pode esquecer do pet ao programar as férias




Momento de descanso é uma excelente oportunidade de dias tranquilos e de lazer

Texto: Sérgio Dias
Fotos: Pixabay

Viajar é muito bom e fica ainda melhor quando é possível levar o Pet, pois assim é possível transformar esse momento de lazer e descanso numa oportunidade de dias tranquilos para os animais e seus tutores.


Para famílias com filhos, normalmente as viagens são programadas para coincidirem com as férias escolares. Para aquelas sem filhos, os doze meses do ano são chances reais para uma pausa na rotina e sair pelo mundo com ou sem o Pet.

Para quem tem animal de estimação, qualquer viagem exige alguns cuidados. Muitas vezes não é possível levar o pet e por esse motivo é importante escolher bem quem poderá cuidar deles.

Uma opção interessante é buscar pessoas que hospedam animais em casa. Hoje existem diversos serviços de hospedagem, como hotéis especializados ou pessoas que abrem as portas das suas casas para recebê-los em curtos períodos.

“Este tipo de serviço é ideal para quem vai fazer uma viagem rápida e não tem com quem deixar o seu companheiro”, conta. Calixto reforça que essa experiência tem chamado a atenção. “Na Doggi, oferecemos a hospedagem Doggi, exclusiva para cachorros. Tudo o que o tutor precisa fazer é procurar o anfitrião mais próximo pelo nosso app”, comenta Thiago Calixto, especialista em banho e tosa e sócio-fundador da franquia Doggi.

Muitas pessoas saem de férias e optam por não viajar e acabam ficando sem ter o que fazer com os pets em casa, não sabem como interagir ou brincar para gastar toda a energia etc.

Durante as férias é a oportunidade que o tutor tem de inovar nas brincadeiras e atividades, pois nesse momento ele tem mais tempo. Passeios ao parque, atividades recreativas em espaços dedicados aos animais ou até realizar brincadeiras caseiras, como esconder o petisco pela casa e também aumentar a frequência de passeios durante a semana são ótima opções.

É também um momento para realizar a atualização da carteirinha de vacinação, banhos e tosa no caso dos cachorros e de check up médico. É importante dedicar esse tempo livre para olhar para o bem-estar do animal e garantir que a saúde e a higiene fiquem em dia antes do retorno às atividades cotidianas.

Caso o tutor decida levar o pet para a viagem de férias, seja de carro ou avião, é preciso tomar alguns cuidados, como comprar caixas de transportes adequadas, evitar alimentos que possam provocar enjoos, certificar-se das regras de deslocamento e identificar o pet com uma coleira contendo dados de identificação do animal e do tutor.

No caso dos transportes terrestres, por exemplo, se faz necessário a utilização do cinto de segurança; já nos aéreos, as regras incluem o deslocamento na cabine ou no compartimento de bagagens da aeronave.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ultima Postagem

Daniel realiza show especial “Daniel 40 Anos Celebra João Paulo & Daniel” na Vibra São Paulo

Apresentação contará com participação de Jéssica Reis, filha de João Paulo Texto: Redação Foto: Will Aleixo O cantor Daniel segue na estrada...