22 de abril de 2024

Estudo aponta que TV aberta segue sendo a preferida dos brasileiros




Investimentos em produções locais, programação diversa e publicidade intensa são sinais de crescimento do setor

Mesmo com todas as possibilidades de assistir diversos conteúdos em diferentes telas e suportes, a TV aberta continua sendo o meio de entretenimento mais acessado pelos brasileiros. É o que revela a pesquisa da Kantar Ibope Media, apontando que, em 2023, o brasileiro foi o maior consumidor de TV aberta da América Latina, onde 68% da população assistiu a programação em média cinco horas por dia.

Esse tipo de comportamento do telespectador faz também com que a TV aberta dialogue com outras mídias e formatos do audiovisual, como as redes sociais. Esta busca pela experiência da TV aberta pode ter como principal fator a diversidade de conteúdos oferecidos pelos canais, além de uma programação tradicional que se mantém preservada, o que traz uma identificação imediata do público.

Conteúdos esses que, além dos próprios de cada emissora, têm se ampliado com a colaboração de produtoras independentes, a produção de conteúdos nacionais e regionais, diversificando sua programação.

“O público consumidor de audiovisual tem interesse em conteúdo de qualidade, com foco em custo-benefício e vai buscar sempre o melhor conteúdo onde estiver sendo melhor ofertado. Logo, quanto maior a diversidade da programação da TV aberta brasileira, maior o número de telespectadores interessados”, diz Carolina Straccia, gerente de marketing da MultTV, empresa especializada em compartilhamento de headend e streaming. 

A TV aberta se tornou um veículo que transborda para outros meios, dialoga com todas as mídias e enfrenta as mudanças que o acesso à internet trouxe, de maneira muito eficiente. E faz isso de maneira democrática e assertiva, visto que gerou 39,6% de investimentos em publicidade no ano de 2023, segundo o estudo Cenp-Meios, produzido pelo Cenp (Conselho Executivo das Normas-Padrão).

Mesmo conectado em outras plataformas, o público segue assistindo a programação da TV aberta, que ainda ocupa o status de “queridinha” do telespectador.

“Oferecemos soluções para uma programação diversa dentro das opções disponíveis em TV, tanto com a entrega de canais abertos, TV linear e streaming. Entendemos que a TV aberta seguirá em alta nos próximos anos, haja visto os investimentos em sua modernização que vem ocorrendo em vários segmentos do negócio” finaliza Straccia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ultima Postagem

Já é tempo de planejar as férias com o seu pet

Garantir uma experiência segura e livre de preocupações durante os períodos fora de casa é fundamental Texto:  Sérgio Dias Fotos: Pixabay Qu...