Campanha AACD Teleton 2021

Cursos Mecânica Online

Mostrando postagens com marcador Fundação Ema Klabin. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Fundação Ema Klabin. Mostrar todas as postagens

13 de maio de 2014

Fundação Ema Klabin e Museu da Casa Brasileira comemoram a Semana Nacional de Museus


A atividade tem como objetivo discutir questões relativas à imigração na cidade de São Paulo

Para comemorar a Semana Nacional de Museus, evento promovido anualmente pelo Ibram – Instituto Brasileiro de Museus, a Fundação Ema Gordon Klabin e o Museu da Casa Brasileira, instituição da Secretaria de Estado da Cultura,  programaram visitas educativas que vão de encontro ao tema desse ano da Semana – “Museus: as coleções criam conexões”. As visitas em parceria acontecem nos dias 15, 17 e 18 de maio às 14h, levando o público para conhecer as duas instituições.

A atividade tem como objetivo discutir questões relativas à imigração na cidade de São Paulo e aspectos históricos do bairro dos Jardins. Na visita, o público poderá conhecer as duas antigas casas paulistanas que se transformaram em instituições culturais. Serão abordados seus acervos, semelhanças e peculiaridades, assim como a trajetória dos proprietários originais dos imóveis que hoje abrigam a fundação e o museu. As vagas são limitadas e as inscrições, gratuitas, devem ser feitas pelo telefone (11) 3062 5245.

A visita começa às 14h na Fundação Ema Klabin, (Av. Europa, 43), depois o público caminha até o Museu da Casa Brasileira (Av. Brig. Faria Lima, 2705). Durante o percurso, mediado pelos educadores das instituições, os participantes conhecerão detalhes da história dos bairros Jardim Europa e Jardim Paulistano. No domingo (18), haverá  uma abordagem lúdica voltada às crianças e às famílias, na qual será oferecida aos visitantes a oportunidade de fazer uma viagem de descobertas entre os dois museus e de se caracterizar com adereços de época - como xales, boinas ou suspensórios -, em referência aos imigrantes que ajudaram a construir a história da cidade de São Paulo.

Sobre a Fundação Ema Gordon Klabin

Oficialmente registrada em 1978, a Fundação Cultural Ema Gordon Klabin é uma instituição sem fins lucrativos, declarada de utilidade pública federal, que tem por objetivos a promoção e divulgação de atividades de caráter cultural, artístico e científico, além da transformação da residência de Ema Gordon Klabin em museu aberto à visitação pública, que ocorreu em março de 2007. A casa abriga um valioso acervo de 1545 obras, entre pinturas do russo Marc Chagall e do holandês Frans Post, dos modernistas brasileiros Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Portinari e Lasar Segal; talhas do mineiro Mestre Valentim, mobiliário de época, peças arqueológicas e decorativas.

Sobre o Museu da Casa Brasileira

O Museu da Casa Brasileira se dedica às questões da cultura material da casa brasileira. É o único do país especializado em design e arquitetura, tendo se tornado uma referência nacional e internacional nesses temas. Dentre suas inúmeras iniciativas, destaca-se o Prêmio Design Museu da Casa Brasileira, realizado desde 1986, e o projeto Casas do Brasil, que promove um inventário sobre as diferentes tipologias de morar no país.

Serviço

Visitas em Parceria  Fundação Ema Klabin e MCB

15, 17 e 18 de maio às 14h – Gratuito

Inscrições gratuitas – Fundação Ema Klabin: (11) 3062 5245.


Locais:

Fundação Ema Klabin

Rua Portugal, 43 - Jardim Europa - São Paulo

Fone: 11 3062-5245    


Museu da Casa Brasileira

Av. Faria Lima, 2.705 – Jd. Paulistano

Tel.: (11) 3032-3727

Claudio Bueno discute arte contemporânea na Fundação Ema Klabin


Programa Arte Papo acontece na quarta-feira com entrada franca

A Fundação Ema Gordon Klabin promove encontros mensais com conceituados artistas contemporâneos, com entrada franca, pelo Programa Arte-Papo. O público pode debater questões da arte contemporânea em um espaço cercado por mais de 1500 obras de grandes mestres da pintura mundial

No próximo dia 14 de maio, às 19h30, a artista multimídia  Claudio Bueno  apresentará três de suas proposições: Redes Vestíveis (2010), Le Chant des Sirènes (2011) e Estudo para Duelo (2013 – co-autoria com Paula Garcia). Desta forma, como eixo principal de discussões, serão incitadas questões em torno da pesquisa do artista intitulada: “Campos de Invisibilidade”. Estes campos poderão ser entendidos como: relação, tecnologia, desejo, poder, memória, etc.

Sobre Claudio Bueno

Artista multimídia, doutorando em Artes Visuais na ECA-USP. Foi professor do IED (Istituto Europeo di Design), recebeu prêmios e participou de exposições nacionais e internacionais.

Por meio de ações em espaço público e instalações, seus trabalhos lidam principalmente com a relação entre corpo, participação, redes, espaço e informação - em geral, envolvendo os meios digitais, o espaço público e noções de invisibilidade.

Dentre os prêmios: Menção Honrosa no Prix Ars Electronica (Linz/Austria); Prêmio Transitio_MX (Cidade do México); Rumos Arte Cibernética (São Paulo); Videobrasil em Contexto (São Paulo e Londres); Festival Arte.Mov; entre outros

Serviço

Programa Arte-Papo  com o artista multimídia Claudio Bueno

Data: 14/05 – quarta-feira

Horário: 19h30

Entrada franca

Assista um dos trabalhos do artista:  http://vimeo.com/16815929 - Redes Vestíveis é uma performance coletiva baseada numa rede virtual elástica, geolocalizada e graficamente representada nas telas de aparelhos celulares.

Saiba mais sobre Claudio Bueno no site: http://buenozdiaz.net

Fundação Ema Klabin

Endereço:  Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo

22 de abril de 2014

Obras Italianas são tema de palestra na Fundação Ema Klabin


O encontro trará uma visão sobre a história das artes na península itálica no século XVIII 

A Fundação Ema Klabin, em parceria com o Departamento de história da Arte da Unifesp realiza palestras mensais sobre história da arte, abertas ao público em geral.   No dia 26 de abril, das 10h às 12h, o pesquisador André Tavares ministrará a palestra- Obras Italianas na coleção de Ema Klabin: o século XVIII. O encontro trará uma visão sobre a história das artes na península itálica no século XVIII e seus antecedentes seiscentistas. O debate entre realismo e beleza ideal a partir dos argumentos desenvolvidos por Bellori e Poussin e o desenvolvimento da ideia de classicismo entre os séculos XVII e XVIII, serão abordados.

Após a apresentação, os participantes farão uma visita monitorada ao acervo da Fundação Ema Klabin que possui mais de 1500 obras de grandes mestre da arte mundial.

Breve currículo do palestrante:

André Tavares é doutor em História e Artes pela UNICAMP. Foi pesquisador visitante junto ao Getty Research Institute e ao Kings College Londres. Dedica-se ao estudo do século XVIII, particularmente ao tema das circulações de modelos artísticos entre Europa e América.

Serviço

Palestra: Obras Italianas na coleção de Ema Klabin: o século XVIII.

Data: 26 abril

Horário: 10h às 12h

Palestrante: André Tavares

Vagas: 35 vagas

Entrada: franca

Inscrições pelo e-mail:  cursos@emaklabin.org.br, ou pelo telefone 11 3062-5245

Fundação Ema Klabin: Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo http://emaklabin.org.br/

Fundação Ema Klabin apresenta universo feminino com show de Fogueira das Rosas


Sob a ótica feminina, o repertório conta com canções de ninar, cantigas de amor e cantos devocionais

O Programa Tardes Musicais, que nesse semestre vem homenageando as mulheres na música, traz no dia 26 de abril, sábado, às 16h30, o grupo Fogueira das Rosas na Fundação Ema Klabin. Utilizando voz e pandeiros (orientais, mediterrâneos e brasileiros), Valéria Zeidan e Angélica Leutwiller cantam e tocam um repertório variado que dão suporte às canções sagradas de diferentes etnias que são fonte de inspiração até os dias de hoje.

O universo feminino é representado neste espetáculo através de cantos de trabalho, canções de ninar, cantigas de amor, cantos devocionais entre outros gêneros.

Para as mulheres da Galícia cantar era uma forma de manter conversas a longa distância; para as caixeiras do Maranhão, os cantos são formas de celebrar o Divino Espírito Santo, para as indianas, entoar um raga para a deusa Saraswati é fonte de inspiração para o desenvolvimento do conhecimento e das artes; para as mulheres judias, as cantilenas representam a transcendência de uma cultura milenar que viajou o mundo todo, para as mulheres cristãs da Idade Média, as cantigas de Santa Maria louvavam seus milagres.

Serviço

Tardes Musicais – As Mulheres na Música 

26/04 – Show com o grupo Fogueira das Rosas

Horário:  16h30  

Entrada Gratuita

Lotação : 180 pessoas

Indicação: Livre


Aos sábados de show, visitação gratuita ao Museu, a partir das 14h.

Fundação Ema Klabin -   Rua Portugal, 43 - Jardim Europa - São Paulo | 01446-020

Fone: 11 3062-5245    

8 de abril de 2014

Paulo Nenflidio no Programa Arte-Papo da Fundação Ema Klabin


Artistas contemporâneos falam sobre seus trabalhos em um espaço cercado por mais de 1500 obras

A Fundação Ema Gordon Klabin promove encontros mensais com conceituados artistas contemporâneos, com entrada franca. Na próxima quarta-feira, dia 9 de abril, às 19h30, o   artista sonoro Paulo Nenflidio é o convidado do Programa Arte-Papo. 

Natural do Estado de São Paulo, Nenflidio é um artista sonoro. Suas obras são esculturas, instalações, objetos, instrumentos e desenhos. Som, eletrônica, movimento, construção, invenção, aleatoriedade, física, controle, automação e gambiarra estão presentes na sua obra. Seus trabalhos se parecem com bichos, instrumentos musicais ou com máquinas de ficção científica. É formado em Artes Plásticas pela ECA – USP -  e em eletrônica pela ETE Lauro Gomes. Em 2003 participou da residência artística Bolsa Pampulha em Belo Horizonte (obra Música dos Ventos). Recebeu em 2005 o Prêmio Sérgio Motta de Arte e Tecnologia e participou da 7º Bienal de Artes Visuais do Mercosul.

Para o Arte-Papo dessa quarta-feira o artista apresentará duas obras que fazem parte de seu acervo particular: o Bicórdio Infinito e o Berimbau Eletrônico. O Bicórdio Infinito é um aparelho sonoro composto por duas cordas afinadas em uníssono. Um sistema de retroalimentação magnética faz com que as cordas vibrem infinitamente. O Berimbau Eletrônico é um instrumento construído em madeira. Seu desenho é baseado no berimbau tradicional usado na capoeira e na música por percussionistas. Além destas duas obras o artista apresentará uma obra inédita recente. Temas como o processo, pesquisa, trabalho e projetos serão abordados.

Serviço

Programa Arte-Papo com Paulo Nenflidio

Data: Quarta-feira 09 de abril de 2014

Entrada franca 

Horário: 19h30 

Fundação Ema Klabin  

Endereço:  Rua Portugal, 43, Jardim Europa, São Paulo

21 de fevereiro de 2014

Fundação Ema Klabin abre temporada de shows


Em  março se apresentam Dona Inah, Toninho Ferragutti e Quinteto e Rodrigo “Digão”Braz

A temporada musical na Fundação Ema Klabin retorna nesse mês de março com as séries Música do Mundo, Tardes Musicais, Nova Música e Aula de Mestres. Estão previstos para o primeiro semestre dezesseis espetáculos gratuitos de alto nível artístico, para os mais variados gostos. Os shows acontecem sempre aos sábados, às 16:30. Antes das apresentações, o público pode aproveitar para conhecer a casa e a coleção, das 14h às 16h30, com entrada também gratuita.

No programa Música do Mundo o público poderá conferir a riqueza das sonoridades brasileiras com Rodrigo “Digão” Braz, que abre a série no dia 8 de março com o espetáculo “Carnavais do Brasil”. Em abril, a música caipira de raiz ganha destaque com o grupo Flores Sertanejas e, em maio, o Movimento Armorial (liderado pelo escritor Ariano Suassuna nos anos 70) será lembrado pelo Quarteto Pererê. Na época das festas juninas, o grupo de música regional Cia. Cabelo de Maria finaliza o semestre com o show “São João do Carneirinho”.

O Programa Tardes Musicais vai homenagear as mulheres na música.  A grande representante do samba paulista, Dona Inah, vencedora em 2005 do Prêmio Tim da Música Brasileira, abre a série no dia 29 de março apresentando seu novo trabalho, Fonte de Emoção. Em abril, o grupo Fogueira das Rosas, formado por integrantes do Mawaca, vão esbanjar talento em um duo de voz e percussão com o espetáculo Os Cantares das Mulheres no Mundo. Em maio, o grupo Vozes Bugras do Brasil irá apresentar o espetáculo Mulheres e mitos femininos da nossa cultura. Dani Mattos & Toque de Bambas finalizam a série com a Época de Ouro da Rádio: Uma Visão Feminina.

O Programa Nova Música apresentará novos e consagrados artistas e destaques da música instrumental independente. Subirão ao palco da Fundação: Toninho Ferragutti e Quinteto, Daniel Murray e Luca Luciano (participação especial de Ji Yon Shim) e Jonathan Silva e Barrocó.

O público ainda poderá ampliar seu conhecimento musical com a série Aula de Mestres, na qual, mensalmente, são convidados renomados músicos e pesquisadores para falar de diferentes temas do universo musical.  Os temas acompanham a série Música do Mundo e, nesse semestre, é possível conhecer a tradição do carnaval, sua história e sua música com Rodrigo Digão Braz; desvendar a música sertaneja e caipira com o grupo Flores Sertanejas, refletir sobre o Movimento Armorial com Francisco Andrade e sobre o regionalismo da música das Festas de São João e do ciclo junino com o cientista social, Marcelo Manzatti.

Tudo isso em um cenário deslumbrante, uma casa-museu de 900 m², inspirada nos pavilhões palacianos europeus com mais de 1500 obras de grandes mestres da pintura mundial como Marc Chagall, Frans Post, Mestre Valentim, Portinari, Di Cavalcanti, entre outros, além de um jardim projetado por Burle Marx.

A programação tem apoio cultural do ProAC, programa de incentivo à cultura do Governo do Estado de São Paulo e da manufatura de pianos, Fritz Dobbert.

Serviço

 Shows Musicais – sábados – às 16h30

·         Nova Música

15/03 – Toninho Ferragutti e Quinteto

05/04 – Daniel Murray, Luca Luciano e Ji Yon Shim

10/05 – Jonathan Silva | Precisa-se de um compositor com experiência

07/06 – Barrocó

·         Música do Mundo 

08/03 – Rodrigo “Digão” Braz | Carnavais do Brasil

12/04 – Flores Sertanejas | A Música Caipira do Sudeste e Centro-Oeste Paulista

24/05 – Quarteto Pererê | Tocata Armorial

14/06 – Cia. Cabelo de Maria | São João do Carneirinho

·         Tardes Musicais – As Mulheres na Música

29/03 – Dona Inah | Fonte de Emoção

26/04 – Fogueira das Rosas | Os Cantares das Mulheres no Mundo

31/05 – Vozes Bugras do Brasil | Mulheres e mitos femininos da nossa cultura.

26/07 – Dani Mattos & Toque de Bambas | Época de Ouro da Rádio: Uma Visão Feminina

Aula de Mestres – às 19h30

·           Aula de Mestres

13/03 – Rodrigo “Digão” Braz | Carnaval, um mundo muito além dos cinco dias de festa

16/04 – Flores Sertanejas | ALMA SERTANEJA E A MÚSICA CAIPIRA – Do Passado ao Presente

29/05 – Francisco Andrade | | “De Revoada à Zabumba Lanceada: A Música do Quinteto Armorial nos anos 1970 – 1980”

16/06 – Marcelo Manzatti | “O Ciclo Junino”

Horários:  Shows: 16h30 - Aula de Mestres: 19h30

Entrada Gratuita

Lotação show: 180 pessoas

Lotação Aula de Mestres: 40 pessoas

Indicação: Livre

Aos sábados de show, visitação gratuita ao Museu, a partir das 14h.

Fundação Ema Klabin

Rua Portugal, 43 - Jardim Europa - São Paulo | 01446-020

Fone: 11 3062-5245     

Ultima Postagem

Estrutura voltada para as crianças tem diversas brincadeiras e atrações

Jurema Águas Quentes se prepara para receber turistas nas férias de julho O Jurema Águas Quentes preparou programações imperdíveis para as c...