Pular para o conteúdo principal

Panamericana abre sua coleção de obras de arte


A mostra faz parte das comemorações aos primeiros 50 anos da Escola

Ao longo de cinco décadas, a Panamericana Escola de Arte e Design formou uma coleção com obras de artistas de diferentes tendências, vertentes e estilos, que fazem um passeio por quase um século de arte, cultura e história, no Brasil e no mundo. Foram escolhidas e adquiridas por Enrique Lipszyc, fundador e presidente da Panamericana, pela qualidade e capacidade de inovação e criatividade de quem as fizeram. São esculturas, pinturas e desenhos, que vão do realismo ao expressionismo, passando ainda pelo surrealismo e também pela pop art e op art, com destaque para produções de César Baldaccini, Antoni Tapies, Nicolas Vlavianos, Oswald de Andrade, Antônio Peticov, Hugo Pratt, Amadeo Modigliani, Mario Cravo, Caciporé Torres, entre outros renomados artistas.

Com curadoria de Jacob Klintowitz, a Escola irá inaugurar, no dia 24 de outubro, a partir das 17h, a exposição Panamericana Art’s Collection. A mostra, que reunirá 60 obras, que faz parte das comemorações aos primeiros 50 anos da instituição, estará aberta ao público até o dia 07 de fevereiro de 2014, na sede da rua Groenlândia, 77. “A exposição é uma forma de celebrar esse momento tão importante com os nossos alunos, amigos, parceiros e todos os amantes das artes, que terão a chance de ver de perto trabalhos de Siron Franco, Antonio Henrique Amaral, José Roberto Aguilar e Luiz Paulo Baravelli, por exemplo. No total, apresentaremos trabalhos definitivos de 44 artistas”, afirma Enrique Lipszyc, fundador e presidente da Escola. 

Segundo Jacob Klintowitz, por ser uma coleção particular, no caso, de uma escola de arte, as obras que estarão expostas na Panamericana foram adquiridas a partir de um olhar diferenciado, original e não convencional. É o espaço da intuição, do impulso e do gosto pessoal, enquanto museus, pinacotecas e fundações obedecem a critérios históricos e justificativas estéticas e culturais.    

Muitos dos artistas, inclusive, ainda não eram reconhecidos quando o presidente da Panamericana adquiriu as peças, pois o que buscava naquele momento eram obras impactantes, que aliassem técnica e criatividade. “O que une esses 44 artistas presentes na Panamericana Art’s Collection é a qualidade intrínseca do trabalho, do caráter visionário impresso em suas criações, da criatividade e da capacidade de se expressarem. Foram selecionados por uma instituição preocupada unicamente com a inovação e a criatividade. Não existe melhor critério do que este para formar uma coleção”, explica Klintowitz.

O principal diferencial da Panamericana Art’s Collection é justamente a diversidade das obras e de seus criadores. “Dificilmente, o público poderia ver de perto, em uma mesma exposição, o colorido e a brasilidade de Rubens Gerchman, a sensibilidade gráfica de Mira Schendel e a simplicidade genial de Wesley Duke Lee. São trabalhos produzidos por nomes que fazem parte da história da arte, mesmo que não sigam uma mesma linha ou tendência”, afirma Klintowitz.

A exposição Panamericana Art’s Collection é gratuita e poderá ser visitada até dia 07 de fevereiro de 2014, de segunda a sexta, das 9h às 21h, e sábado, das 9h às 12h. Fechado aos domingos e feriados. 

Artistas que fazem parte da mostra

Antonio Henrique do Amaral; José Roberto Aguilar; Oswald de Andrade; Luiz Áquila; Maciej Babinski; César Baldaccini; Luiz Paulo Baravelli; Ricardo Barreto; Artur Barrio; Jagoda Büic; Sergio de Camargo; Lothar Charoux; Bernardo Cid; Mario Cravo Jr; Wesley Duke Lee; Siron Franco; Jadir Freire; Rubens Gerchman; Karl Gerstner; Ivald Granato; Mário Gruber; Marcello Grassmann; Jorge Guinle; Gottfried Honegger; Tomoshige Kusuno; Fernando Lemos; Manabu Mabe; Roberto Magalhães; Amedeo Modigliani; Fernando Odriozola; Antonio Peticov; Hugo Pratt; Nuno Ramos; Paolo Rissone; Hector Sapia; Mira Schendel; Francisco Stockinger; Antoni Tapies; Caciporé Torres; Claudio Tozzi; Victor Vasarely; Humberto Vellame; Henrique Vieytes e Nicolas Vlavianos

Serviço

Panamericana Art’s Collection - CURADORIA JACOB KLINTOWITZ
Local: Panamericana Escola de Arte e Design - Rua Groenlândia, 77, Jardim Paulista
ABERTURA: 24 DE OUTUBRO, A PARTIR DAS 17H
Período: 24 de outubro de 2013 a 07 de fevereiro de 2014
Horário: de segunda a sexta, das 9h às 21h, e sábado, das 9h às 12h. Não abre aos domingos e feriados
GRÁTIS – ABERTA AO PÚBLICO

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Interior mineiro recebe o passeio off-road Suzuki Day

Cidade de Gonçalves será palco do encontro dos Suzukeiros
A cidade turística de Gonçalves, no sul do estado de Minas Gerais, será o próximo destino do passeio off-road Suzuki Day, que levará os participantes por belas trilhas em meio à Serra da Mantiqueira. O passeio não tem restrição de idade e foi criado para que os participantes possam provar e testar seus Suzuki no fora-de-estrada.

“Gonçalves tem ficado cada vez mais conhecida pelas belas paisagens e ótimos serviços de hospedagem e gastronomia. Além disso, as trilhas são bem bacanas para o off-road”, adianta Fernando Julianelli, diretor de marketing da Suzuki Veículos.

Mitsubishi Experience 4x4 desembarca na mineira Gonçalves

Evento off-road terá roteiro por cachoeiras, florestas de araucária, hortênsias e um belíssimo visual de serra
O Mitsubishi Experience 4x4 desembarca nas serras de Minas Gerais para um passeio repleto de off-road. A charmosa cidade de Gonçalves (MG), no sul de Minas Gerais, encravada na Serra da Mantiqueira, recebe o evento que é aberto para famílias e amigos que querem se divertir, apreciar belas paisagens e curtir um dia divertido a bordo dos veículos 4x4.

O roteiro do passeio terá cerca de 60 quilômetros e quase todo por estradas de terra. “Na parte inicial, seguiremos rumo ao centro de Gonçalves, passando pela Igreja e pela charmosa Padaria das Flores”, destaca Isac Pinto, coordenador técnico do evento.

Monster Jam retorna ao Brasil no Allianz Parque

A pista é projetada para testar a perícia e a destreza dos competidores
O Monster Jam retorna a São Paulo para duas apresentações no Allianz Parque, com provas que mesclam manobras radicais, altura, distância e muita adrenalina. A pista é projetada para testar a perícia e a destreza dos competidores que desafiam a gravidade em provas únicas e imprevisíveis. 

Esse ano, o line up confirmado já conta com Grave Digger, El Toro Loco, Max Dä e Monster Energy. A atração, cheia de adrenalina e repleta de ação, conta com pilotos treinados na Monster Jam University. Os competidores dominam as habilidades necessárias para pilotar um truck com as proporções de Monster Jam.