17 de maio de 2023

Adotar um pet animal é prova de carinho de um tutor cheio de amor




Gato e cachorro são os dois tipos de pets preferidos pelas famílias brasileiras para adoção

Texto: Sérgio Dias
Fotos: Pixabay

De acordo com o censo do IPB – Instituto Pet Brasil de 2021, com 149,6 milhões o Brasil é o terceiro país em número de animais domésticos. Considerando que somos próximos dos 215 milhões de brasileiros, pelo menos 70% da população tem um pet em casa ou conhece alguém que tenha


Gato e cachorro são os dois tipos de pets preferidos pelas famílias brasileiras, e quando se planeja ter um novo animal, uma das primeiras escolhas está sempre atrelada a adotar ou comprar. A decisão não é fácil.

As duas alternativas possuem suas particularidades, vantagens, desvantagens e isso está vinculado a opção que o futuro tutor do pet quer tomar, além das necessidades da família e estilo de vida. Portanto ter um animal vai além de ganhar um novo amigo: ele vira membro da família e companheiro para todas as horas.

Veja abaixo alguns motivos que destacamos para ter um pet adotado, lembrando que preferencialmente adote um pet que esteja castrado, vermifugado e vacinado, o que garante saúde, segurança e bem-estar.

1. Ajuda um animal que foi abandonado

Todos os animais das ONGs foram resgatados das ruas depois de serem abandonados ou vítimas de crueldade humana. Adotar um animal resgatado é dar uma nova chance para um pet traumatizado a conhecer o que é o carinho de uma família cheia de amor para dar.

2. Ganha um incentivo para se exercitar

Uma das atividades mais importantes para os cães são os passeios. Com eles, o pet fica mais sociável, gasta energia e se exercita, e o tutor também pode aproveitar esse momento para fazer essa atividade física.

A cada 30 minutos de passeio, o humano gasta em média 200 calorias. Além disso, caminhar com seu pet também ajuda a reduzir o estresse, aumentar disposição e reduzir problemas como colesterol alto e diabetes.

3. Companheiro para todas as horas

Não importa se o dia está quente ou frio, se o tutor está triste ou feliz, cães e gatos sempre estarão lá para o que der e vier, oferecendo conforto ou celebrando ao lado do humano que deu a ele uma cama quentinha e muito carinho.

4. Ter um pet aumenta a imunidade

Segundo estudo encomendado pela Comac – Comissão de Animais de Companhia, ter um gato ou cachorro em casa melhora da imunidade de crianças e adultos, reduz risco de alergias em crianças, reduz dos níveis de estresse e a incidência de doenças e sintomas como dor de cabeça ou resfriado.

5. Dar passeios no shopping e conhecer outras pessoas com animais

Quem nunca ficou babando nos pets das pessoas que passeiam pelo shopping ou se derreteu com aqueles peludos que adoram ganhar carinho? Ao adotar um animal, a rede de amigos aumenta, além das interações com outras pessoas. Até porque, quem não tem uma história do pet para contar? Alguns peludos são mais sociáveis que outros, mas com amor e dedicação, o tutor cria um vínculo único com o pet e pode levá-lo a todo lugar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ultima Postagem

25 de maio é comemorado o "Dia do Orgulho Geek"

Celebração global da cultura nerd m arca lançamento de obras ícones como Star Wars, Guerra nas Estrelas e Guia do Mochileiro das Galáxias Em...