Mostrando postagens com marcador Roupa Nova. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Roupa Nova. Mostrar todas as postagens

16 de janeiro de 2016

Roupa Nova se apresenta em São Bernardo do Campo




Grupo faz única apresentação no clube da Mercedes Benz 

O Roupa Nova leva seu show “Todo amor do mundo” até São Bernardo do Campo. Com mais de 30 anos na estrada, 37 álbuns lançados que já venderam mais de 20 milhões de cópias e com integrantes originais de sua formação, o Roupa Nova é um fenômeno da música brasileira, que manteve as marcas indestrutíveis desde o início de sua carreira.

Formada no início da década de 1980, no Rio de Janeiro, pelos músicos Serginho Herval, Paulinho, Kiko, Nando, Ricardo Feghali e Cleberson Horsth, lançaram hit após hit, e nenhum deles ficará de fora no dia 12, juntamente, com seus novos sucessos: “Sonhando com os pés no chão”, “Tenha fé na música” e “É tempo de amar”.

13 de agosto de 2015

Roupa Nova faz única performance aos fãs paulistanos em setembro

Foto por: Marcos Hermes
Há mais de 30 anos o Roupa Nova é sinônimo de sucesso no cenário musical brasileiro e lota casas de shows em todo o Brasil. No dia 20 de setembro, domingo, é o dia de o Citibank Hall, em São Paulo.

26 de março de 2011

Roupa Nova comemora os 30 anos de estrada no Credicard Hall


A sexta-feira por si só já é incrível. Sem nenhum esforço, juro. Mas acredita que às vezes ela pode ficar ainda melhor? Essa sexta 25 o Credicard Hall foi abrilhantada com o show da turnê comemorativa das 3 décadas de aniversário do Roupa Nova. Com a formação intocada desde 1980, Serginho Herval, Paulinho, Kiko, Nando, Ricardo Feghali e Cleberson Horsth fizeram a noite dos paulistas com seus inúmeros hits.

Recordistas em trilhas sonoras de novelas, são responsáveis por mais de 30 sucessos entre eles Dona (Roque Santeiro, 1985), Whisky A Gogo (Um Sonho A Mais, 1985), A Viagem (A Viagem, 1995) e Coração Pirata (Rainha da Sucata, 1990). Em 2009, o álbum Roupa Nova em Londres, gravado no Abbey Road Studios, foi premiado com o Grammy Latino de Melhor Álbum Pop Contemporâneo.

Querem saber? Quarenta minutos de atraso. Quarenta minutos que foram esquecidos assim que o sexteto pisou no palco abrindo o show com Sapato Velho, seguido das clássicas Linda Demais e A Viagem. Com muito bom humor, Nando sempre conversava com a plateia e fazia palhaçadas o tempo todo. Depois de Volta Pra Mim, o arranjo de Cantar Faz Feliz O Coração misturado ao bom humor dele só fez a música ficar ainda mais contagiante. Digo isso porque eu vi com meus próprios olhos pessoas completamente se deixando voar pelas órbitas. Em homenagem às mulheres, Todas Elas e Dona foram os hits que ilustraram este momento com fotos de grandes personalidades femininas no telão como Madonna, Oprah Winfrey, Lady Diana, Elis Regina e etc. A Paz, versão de Heal The World de Michael Jackson, contou com a participação especial do Padre Fábio de Melo e Chuva de Prata com a participação virtual de Sandy. E o ingênuo aqui pensando que ela participaria deste show:

- Mentira que ela está no palco.
- É só o telão.
- Ah tá.

Todos riem. Como todos devem saber, os shows do Credicard tem cadeiras. Cadeiras que praticamente não tiveram serventia nenhuma, pra ser bem sincero. A partir do medley de famosas trilhas sonoras como o Tema da Vitória da Fórmula 1 e a abertura do Videoshow “Dont Stop Till You Get Enough” do Michael Jackson simplesmente todos se levantaram dos assentos e assim permaneceram até o final do concerto. Lança Perfume e Show de Rock ‘n Roll foram o charme da noite. Mas o fechamento roubou os holofotes, sem sombra de dúvida. Nada mais nada menos do que com o “big hit” deles: Whisky A Gogo. Agora eu pergunto: quem se lembrou de sentar? No final de Whisky A Gogo, o grupo mandou todos embora. Porém, a platéia se recusou. Afinal, eles deviam a saideira. A verdadeira finalização do show se deu com um medley em homenagem a grandes bandas como Beatles, Queen, Bee Gees e Rolling Stones. Uma das bandas brasileiras mais influentes do cenário fonográfico cumpriu sua missão. Com êxito. Nada mais a dizer.


Por Felippe Alves

23 de novembro de 2010

CD e DVD Roupa Nova 30 anos atingem 100 mil cópias vendidas e recebe disco de Ouro e Platina

Com menos de um mês do lançamento, o projeto já é sucesso de vendas

O projeto ‘Roupa Nova 30 anos’ lançado em CD e DVD acaba de alcançar a marca de 100 mil cópias vendidas, sendo 50 mil em CD e 50 mil em DVD. O projeto para comemorar os 30 anos de sucesso da banda foi gravado no Credicard Hall em São Paulo, nos últimos dias 2 e 3 de julho.

O sexteto recebeu convidados especiais, como Milton Nascimento, Sandy, Padre Fábio de Melo e Fresno. A direção foi da própria banda Roupa Nova (Roupa Nova Music) e as imagens ficaram por conta da premiada vídeo maker Joana Mazzucchelli.

Para a Microservice que é parceria da banda e atua na fabricação, distribuição e venda do selo Roupa Music, é muito gratificante fazer parte desse importante momento da banda. “Ficamos honrados com essa parceria vitoriosa. O sucesso de vendas do projeto ‘Roupa Nova 30 anos’ é prova do trabalho bem realizado pela banda e pela equipe da Microservice”, afirma Mauro Scalabrin, gerente da divisão S&D.

Com menos de um mês do lançamento, a banda ultrapassou a marca de 50 mil cópias de CDs vendidas, o que no Brasil é premiado com o disco de ouro, concedido pela Associação Brasileira dos Produtores de Disco (ABPD). As 50 mil cópias de DVDs vendidas deram o disco de platina à banda. “Tudo que conquistamos até aqui veio de forma lenta, mas sólida. Construir uma carreira de 30 anos não é fácil. Mesmo com as dificuldades, nunca tivemos a sensação de missão cumprida. É assim que o Roupa Nova pensa. Sempre há algo para buscar e criar”, afirma Sergio Herval, baterista da banda.

Ultima Postagem

Ford oferece espaço, conforto e preço com o Territory Titanium 2024

SUV global chega ao Brasil com versão única e motor turbo a partir de R$ 209.990,00 Texto:  Sérgio Dias Fotos: Sérgio Dias Desde que deixou ...