Mostrando postagens com marcador SESC Pinheiros. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador SESC Pinheiros. Mostrar todas as postagens

19 de agosto de 2015

Emicida apresenta seu novo álbum neste fim de semana no Sesc Pinheiros

Foto por: José de Holanda
O Sesc Pinheiros recebe nos dias 21, 22 e 23 de agosto (sexta, sábado e domingo) show do rapper paulista Emicida, para o lançamento do seu segundo álbum de estúdio, “Sobre crianças, quadris, pesadelos e lições de casa”. As apresentações ocorrem no palco do Teatro Paulo Autran e os ingressos vão de R$ 12 (credencial plena) a R$ 40 (inteira).

31 de março de 2015

Sesc Pinheiros recebe em Abril, o espetáculo de dança de Key Sawo

Foto por:  Carlos Cazalis
Em abril, a Praça do Sesc Pinheiros será palco das apresentações até na primeira quinzena de Abril, com o espetáculo solo “Experiência 3”, concebido e interpretado por Key Sawao. 

29 de março de 2015

Música de percussão e improviso se unem no palco do Sesc Pinheiros


O Sesc Pinheiros será palco, no dia 1º de abril, de um encontro musical que busca mesclar a improvisação livre com a cultura popular, por meio da rabeca e da percussão. Trata-se do projeto “Tradição Improvisada”, que tem à frente os músicos Seu Nelson da Rabeca, o rabequeiro e saxofonista Thomas Rohrer, o percussionista Antonio Panda Gianfratti e a cantora e esposa de Seu Nelson, Dona Benedita. O show ocorre no Auditório do Terceiro Andar da Unidade, a partir das 20h30. 

26 de março de 2015

Patu Fu está de volta, e retoma aos palcos no começo de abril


Depois de 07 anos sem um disco de inéditas mas também depois de um Grammy Latino, um disco de ouro, um DVD e de uma turnê de imenso sucesso com o “Música de Brinquedo”, o Pato Fu está de volta às guitarras “de verdade” em sua nova turnê.

5 de março de 2015

Ana Montenegro e Wilson Sukorski fazem uma antifonia incerta no Sesc Pinheiros


Uma lira, instrumento musical do século XIX, e um serrote. Está reunião improvável é a base da intervenção artística “Antifonia para Lira e Serrote”, que o Sesc Pinheiros recebe, nos dias 14 e 21 de março (sábados), a partir das 20h, no segundo andar da unidade. A entrada é gratuita. 

Cia Base apresenta o espetáculo "O Circo das Bruxas" no Sesc Pinheiros


A partir do dia 14 de março, o Sesc Pinheiros recebe um espetáculo circense repleto de elementos como neve, cordas, elásticos, personagens estranhos, engraçados e absurdos, bailarinas voadoras, teatro e muitos efeitos. Trata-se de “O Circo das Bruxas”, montagem que celebra os 10 anos de atividades da Cia Base. As apresentações ocorrem na Praça da Unidade, aos sábados e domingos, sempre às 16h, até 29/03. A entrada é gratuita.

27 de fevereiro de 2015

Dança e filme marcam a programação de março no Sesc Pinheiros

Foto por: Clarissa Lambert 
No mês de março, o Sesc Pinheiros dá sequência ao projeto “Gestos e Cenas”, que traz para o público, com entrada franca, performances e espetáculos de dança e exibição de filmes sobre a linguagem, com títulos premiados, biografias e documentários. 

A programação ocorre sempre aos sábados, na Praça da Unidade, com os espetáculos tendo início a partir das 19h e, na sequência, os filmes, às 20h. 

10 de fevereiro de 2015

Flávio Guimarães lança seu novo álbum em parceria com o guitarrista, Netto Rockfeller

Foto: Renata Duarte
Considerado um dos grande snomes da gaita de blues no País e fundador de um dos mais importantes grupos do gênero no país - o Blues Etílicos -, o gaitista Flávio Guimarães lança no Sesc Pinheiros seu novo CD solo, Nice and Easy, gravado em parceria com o guitarrista Netto Rockfeller.

Céu lança seu primeiro DVD ao vivo em show exlcusivo no Sesc Pinheiros

Foto por: Haroldo Saboia
Transitando entre gêneros como o jazz, reggae, afrobeat e o samba, a cantora e compositora Céu, firmou-se como um dos mais importantes e reconhecidos talentos da música brasileira nos últimos anos. 

12 de agosto de 2010

Projeto SESC Pinheiros homenageia o Samba Paulista


O SESC Pinheiros começou no último final de semana um projeto em homenagem ao Samba Paulista e suas manifestações populares, que reúne uma programação de Shows Musicais, apresentações na Praça e Rodas de conversa durante todo o mês de agosto. Chamado de “Bumba de Bamba São Paulo é Samba”, o projeto é uma realização do SESCSP e produção da Sambística Produções e tem a frente o tradicional grupo Quinteto em Branco e Preto.

No sábado (07), quem subiu ao palco do SESC foi o grupo Jongo de Piquete e no domingo (08) foi à vez do Jongo Dito Ribeiro. Abaixo, segue a programação completa de todas as apresentações do projeto:

Shows Na Praça

Dia 14 de agosto – Sábado – 16h
Tias Baianas Paulistas

Grupo formado por senhoras participantes da ala das baianas, pertencentes a diversas agremiações carnavalescas de São Paulo, como Vai-Vai, Nenê da Vila Matilde, Unidos do Peruche e Mocidade Alegre, entre outras. Integrantes Tias Baianas Paulistas: Nadyr, Madá, Ione, Clara, Neide Veloso, Neide André, Áurea, Graciete, Maria José, Ieda, Oneida, Lurdes Texeira, Geraldinha, Danda, Odete, Neusa e Lindinha.

Dia 15 de agosto – Domingo – 16h
Samba da Dona Aurora

Samba da Dona Aurora é um grupo de samba de Roda de Vinhedo, uma das manifestações populares do universo do samba rural paulista.

Dia 21 de agosto – Domingo – 16h
Grupo Tambú de Piracicaba

Grupo de Batuque de Umbigada Paulista que traz a tradição artística herdada de escravos, em que a forte presença africana dos tambores e da dança de umbigada, funde-se ao universo caipira das modas de viola. O Tambu (uma espécie de tambor feito de tronco oco de árvore) ou Batuque de Umbigada é uma expressão de resistência da cultura negra de origem africana que os negros escravizados trouxeram para São Paulo na época que trabalhavam nas culturas de café e cana-de-açúcar.

Dia 22 de agosto – Sábado – 16h
Samba Lenço de Mauá

Grupo tradicional de Samba Lenço de Mauá que transita entre o sagrado e profano, cultuando o samba de roda e a Festa de São Benedito.

Samba na Roda
Dias 11 18 e 25 de Agosto – quartas-férias – 19h30

Rodas de conversa com Pesquisadores, Escritores e Personalidades do Samba Paulista.
Sala de Atividades - 3º andar.

Shows Teatro Paulo Autran

Dias 26 de Agosto, Quinta-feira, às 15h30 e dia 27 de Agosto, Sexta-feira, às 21h
Das caixas de engraxate ao Samba Sincopado
Tirando som de caixas de engraxate, Toniquinho Batuqueiro e Germano Mathias são a representação do samba sincopado em São Paulo. Junto, com Quinteto em Branco e Preto,
Donas Inah e Borba apresentam os ritmos do samba Paulista.

Teatro Paulo Autran. Não é permitida a entrada após o início do espetáculo.

Dia 28 de Agosto – Sábado – 21h
De Dionísio Barbosa aos Cordões Paulistanos
Dionísio Barbosa é um dos primeiros nomes na história do samba em São Paulo. Negro, da primeira geração de escravos livres que veio para a capital em busca de oportunidades, Dionísio uniu as manifestações rurais paulistas ao samba do Rio de Janeiro e foi pra rua festejar com sua família e criar o primeiro cordão carnavalesco com os negros na cidade. Surge assim o Cordão Barra Funda, considerado como primeiro movimento cultural organizado dos negros. Neste cordão, os homens ensaiavam e desfilavam pelas ruas vestidos com camisas verdes e calças brancas; primeiro embrião do Grêmio Recreativo Escola de Samba Mocidade Camisa Verde e Branco. Para homenagear Dionísio: Quinteto em Branco e Preto, Seu Carlão do Peruche, Velha Guarda da Nenê da Vila Matilde, Fabiana Cozza e Velha Guarda da Camisa Verde e Branco.

Teatro Paulo Autran. Não é permitida a entrada após o início do espetáculo.

Dia 29 de Agosto – Domingo – 18h
Do Samba de Bumbo a Geraldo Filme
Com Quinteto em Branco e Preto, Osvaldinho da Cuíca, Dona Maria Esther e o Samba de Pirapora do Bom Jesus, Thobias da Vai-Vai e Mario Sergio.
O Samba de Bumbo é uma dança típica do estado de São Paulo muito expressiva nas cidades do interior como Campinas, Pirapora do Bom Jesus, Santana do Parnaíba e Tietê. Surgiu nas áreas rurais na metade do século XIX pelos afro-descendentes do oeste paulista, que aos poucos migrou para as áreas urbanas. Entre os sambistas, Geraldo Filme é um dos ícones do samba paulista que compôs diversos sambas em homenagem ao samba de Pirapora.
Teatro Paulo Autran. Não é permitida a entrada após o início do espetáculo.
SERVIÇO

BUMBA DE BAMBA, SÃO PAULO É SAMBA!
Local: Sesc Pinheiros
Rua Paes Leme, 195 – Pinheiros
Tel: (11) 3095-9400
Censura: Shows da Praça e Palestras – LIVRE
Teatro Paulo Autran – 10 anos

Preço:
Shows da Praça e Palestras – Grátis
Shows do Teatro:
R$15 (inteira)
R$7,50 (usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, professores da rede pública de ensino e estudantes com comprovante)
R$3,50 (trabalhador no comércio e serviços matriculados no SESC e dependentes)

Ultima Postagem

É muito importante escolher tamanhos e formatos adaptados para proporcionar uma experiência nutricional adequada Texto:  Sérgio Dias Fotos: ...