Mostrando postagens com marcador arte. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador arte. Mostrar todas as postagens

4 de agosto de 2015

Projeto cultural leva a arte de rua para as galerias da cidade


Os grafiteiros Gatuno, Mesi e Paulo Vicente vão protagonizar mais uma intervenção artística na cidade de São Paulo. Ao lado dos publicitários Alex Eschen (Vetor Zero) e Elvis Mourão (DM9), os artistas pintarão ao vivo um muro com mais de 120m² no reduto boêmio da Vila Madalena. 

A 4ª edição do Planeta Rock começa nesta quarta-feira em São José do Rio Preto


Considerado um dos principais festivais do gênero do Estado de São Paulo, a 4ª edição do Planeta Rock acontece de 5 a 8 de agosto,  em São José do Rio Preto, 450 km de São Paulo. Este Festival tem mudado o cenário musical aqui da região Noroeste Paulista - até então conhecida exclusivamente pela terra da música sertaneja.

A terceira edição da Expo Cultural traz música, arte e entretenimento à zona norte de São Paulo neste fim de semana


Acontece  dias 07, 08 e 09 de agosto, das 10h às 22h, a 3º Edição da Expo Cultural São Paulo, na Junta Militar, localizada à Praça Heróis da FEB, S/N, Santana. Trata-se de um projeto expoente do cenário independente que tem como objetivo alavancar a projeção de músicos e bandas no Brasil. O evento gratuito que reúne arte, música, comportamento e esportes é organizado pela Positive Foundation e tem apoio da subprefeitura de Santana/Tucuruvi.

9 de janeiro de 2015

Parque de Bambu traz interação e lazer no Sesc Campo Limpo



Neste sábado, 10, acontece, no Sesc Campo Limpo, à partir das 13h30, a primeira atividade de 2015 do Parque de Bambu, espaço criado para a vivência e convivência através da exploração de movimentos e expressão corporal. É um convite às brincadeiras e a momentos para descontração e descobrimentos através de movimentos simples como espreguiçar, dançar, subir, pendurar ou simplesmente contemplar. 

12 de maio de 2014

Cook´n Groove reúne comida, música e arte


The Soul Kitchen Project e Multicase realizam projeto chefs, bandas, DJs e artistas multimídias

Cansados de night clubs lotados e restaurantes caros na capital paulistana, os sócios do The Soul Kitchen Project (selo de gastronomia que reúne música e arte), criaram o Cook N’ Groove, evento que aposta em uma receita única: promover momentos inesquecíveis entre amigos, com boa música, ótima comida e muita arte. No dia 24 de maio, o projeto se une à agência Multicase (especializada em entretenimento e responsável pela interação entre marcas e pessoas) para um novo momento. “A experiência dos eventos do The Soul Kitchen Project merece ser vivida por muitos.”, diz Emiliano Beyruthe, da Multicase, se referindo à ampliação do evento.

Com a expertise da Multicase, o Cook N’ Groove cresce e se prepara para receber 1.200 pessoas na Casa da Fazenda. A agência é responsável por toda a produção e organização do evento, além da captação de patrocínios e parcerias.

Comida
A curadoria é de William Ribeiro, cozinheiro inspirado em sua mãe e apaixonado pela arte troca que a gastronomia proporciona. Com a missão de contar a história da comida imigratória de São Paulo, os chefs serão distribuídos em estações e prepararão delícias da culinária caiçara, portuguesa, italiana, japonesa, baiana, mineira, árabe e francesa. Entre os confirmados: o próprio William (O Pote do Rei), os criadores do projeto, Alex Pernet e GG Mattar, Leo Botto (Chez Oscar e Chez Mis), Rafael Spencer (Sotero), Marcel Sasaki (Dô), Thiago Cerqueira (Las Maison est Tombée).

Música
DJs e bandas de Jazz, Bossa Nova, Funk+Soul e Groove se revezarão no palco principal, localizado no centro do evento, para pockets shows durante todo o dia Le Cinq Copains du jazz, Houdinis, Emiliano Beyruthe, Formiga, Gui Pimentel, Buga e Julinho são alguns dos confirmados.

Arte
Como ingrediente especial, o Cook N’ Groove montará uma galeria de arte pop up.
Nomes como Loro Verz, Sandro Akel, Fellipe Segall, Fabio Segall, Catarina Gushiken, Dede Fedrizzi, Alex Wittboldt, Flavio Franko são presença garantida.

Serviço
Cook N’ Groove
Data: 24 de maio (sábado)
Local: Casa da Fazenda
Endereço: Av. Morumbi, 5594 - Morumbi
A partir das 13h
Valor do ingresso: R$120 (com comida a vontade) / crianças até 07 anos não pagam
Vendas: site foodpass, aplicativo Sem Hora e Multicase
Reservas e informações: (11) 2659-5898

6 de março de 2011

VIII Graffiti Fine Art no MUBE, é ver pra crer!



E começou a oitava edição da Graffiti Fine Art onde um coletivo de artistas apresentam suas obras em painéis localizados no Museu Brasileiro de Escultura, o MUBE. Com o apoio da empresa Colorgin, desde a primeira edição, diversos artistas como Tinho, Simba, Gafi, Magrela, Snek, Derf, Evol, Dedo, Vespa e muitos outros estão ganhando cada vez mais espaço em lugares antes destinados apenas às artes mais elitizadas e tem a oportunidade de mostrar os seus trabalhos e receberem o devido reconhecimento.

Patricia Fecci, gerente de produtos da Colorgin, em entrevista ao Jornal BLEH! explica a importância de apoiar eventos dessa natureza. “ O Graffite está inserido no conceito da arte urbana e para Colorgin apoiar esses eventos significa próximidade com o nosso público e também ampliar esse conceito de arte para população” explica Fernanda.

Binho Ribeiro, artista conhecido do graffite e curador do evento conta que o critério para a escolha dos artistas é o alto nível técnico e conceitual. “Artistas que realmente pintam nas ruas e tem grande interação com a cidade. Nesse evento em especial, escolhemos estilos que possam produzir obras em grupo com grande interação entre eles” conta Binho que reforça a importância de parcerias com empresas como a Colorgin já que são necessários muitos litros de tinta de qualidade e dessa forma temos bons resultados para ambas as partes.

 “A idéia é fazer mais três exposições desse porte para em 2012 fazer a segunda Bienal Internacional Graffiti Fine Art”, diz Binho. O evento também marcou o lançamento do catálogo da 1a. Bienal Internacional Graffiti Fine Art com fotos de todas as obras que estavam expostas no ano passado e onde o BLEH! também esteve lá para mostrar essa vertente tão próxima das pessoas da cidade e que muitas vezes são passadas despercebidas por aqueles que não enxergam os desenhos dos muros como arte.

Então corre pra lá que é de graça!

VIII Graffiti Fine Art
Até dia 20 de março
Endereço: Avenida Europa, 218 – Jardim Europa
Terça a Domingo das 10:00hs as 19:00hs

Por Fellipe Abdalla

15 de dezembro de 2010

Jean-Pierre Lacourt exibe suas obras em São Paulo

Sob a curadoria de Renato Magalhães Gouvêa, o renomado artista plástico francês Jean-Pierre Lacourt expõe seus trabalhos mais recentes em São Paulo, até o dia 31 de janeiro, na Galeria Bia Doria, localizada na Alameda Gabriel Monteiro da Silva, Jardim Europa. As telas são um retrato de lugares marcantes de suas viagens pelo mundo, assim como cenários que refletem fulgurantes estados de alma. Pintor autodidata, despreza perspectivas e conquista a beleza do equilíbrio com suas cores e técnicas especializadas. Um esplendor de resultados em uma diversidade globalizada no campo da arte. A mostra conta com 25 obras pictóricas e estará aberta ao público de segunda à sexta-feira, das 10h às 18h, e sábado, das 10h às 14h.

Serviço

Exposição de Jean-Pierre Lacourt
Galeria Bia Doria
Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 1802
Jardim Europa – São Paulo
Tel.: (11) 3063-0577 / 3063-0572
Segunda à sexta-feira, das 10h às 18h, e sábado, das 10h às 14h
Entrada franca

13 de dezembro de 2010

Exposição “Movimentos da Forma”, no Canvas Bar & Restaurante

A Galeria de Arte do Canvas Bar & Restaurante, no Hotel Hilton São Paulo Morumbi, recebe as 28 obras de retalhos de policarbonato reutilizado do artista Marcelus Eduardo, seguindo a tendência da sustentabilidade.

O artista leva para o ambiente a exposição “Movimentos da Forma”, com cores quentes e primárias, que integram-se à arquitetura contemporânea do espaço. Marcelus explora o metal em suas esculturas de parede, abusando das curvas e retas num contraponto à solidez.

O artista, que já realizou exposições individuais e coletivas tanto no Brasil, quanto no exterior, em países como a Itália – onde participou do Grande Premio de Esculturas em Ravenna - e a Inglaterra, teve como mestre a artista plástica Norma Grimberbg.

Este ano, a Galeria de Arte Suspensa do hotel Hilton já recebeu mostras de Beatriz Bona, Sebastião Mendes, Inos Corradin e Élon Brasil. A mostra Movimentos da Forma estará aberta ao público até o dia 30 de janeiro de 2011.

Serviço

Exposição: Movimentos da Forma
Local: Canvas Bar & Restaurante – Galeria suspensa
Curadoria: Sandra Setti
Exposição: de 24 de novembro a 29 de janeiro
Entrada gratuita
Endereço: Avenida das Nações Unidas, 12.901, Torre Leste – Brooklin Novo
Telefone: (11) 2845-0055
Estacionamento c/ Manobrista: R$ 14,00

3 de dezembro de 2010

Acervo da Choque e Choque Cultural abrem exposições de duas de suas apostas para 2011

Znort e Felipe Lopez apresentam suas linguagens tão peculiares nas mostras Sob o Peso dos Gigantes e Obra de Construção, respectivamente

A partir de 4 de dezembro, duas mostras serão abertas: no Acervo da Choque, na Vila Madalena, Znort apresenta sua nova produção em Sob o Peso dos Gigantes. Já Felipe Lopez inaugura sua individual Obra de Construção, na Choque Cultural, em Pinheiros. Ambas seguem até 23 de dezembro. As galerias voltam a atividade em 11 de janeiro de 2011.

Znort, ubatubense de 25 anos, apresenta uma série de esculturas inéditas, mas também se dedica a dois bordados em feltro. Sob o Peso dos Gigantes é o título da mostra. E quem são esses gigantes? É o que artista em seu universo tenta revelar.

Argila, madeira e bronze são alguns materiais usados pelo artista que suscita cenas nas quais a pequenez e a grandiosidade das relações humanas são confrontadas.O Acervo da Choque contará com doze trabalhos do artista. Entre eles, no centro da sala, três estruturas em madeira revestidas por feltro bordado sustentando três figuras humanas em cerâmica.

Já na Choque Cultural, Felipe Lopez apresenta uma série inédita de colagens em que desconstrói a imagem de fotografias impressas em etiquetas adesivas. Suas obras ganham e perdem volume enquanto retratam construções urbanas de bairros tradicionais de São Paulo, principalmente a Mooca. Sua ideia é usar as etiquetas como se fossem píxeis manuais, usando a fotografia como objeto, suporte e linguagem.

Esse trabalho foi iniciado em 2008, período em que Felipe registrava diversas paisagens da cidade. A partir deste imenso banco de dados, o artista selecionou fotografias para suas composições que ganhou exposição na Choque Cultural em 2009. Obra de Construção é justamente a evolução da mostra, com o diferencial de explorar prédios cobertos de pastilhas. “São gatilhos de memória em que busco a imagem de outros tempos”, conta Lopez.

Serviço

Obra de Construção por Felipe Lopez @ Choque Cultural
Abertura: 4 de dezembro, das 16h às 20h
De 4 a 23 de dezembro (a galeria reabre em 11 de janeiro de 2011)
Rua João Moura, 997 e 1001, Pinheiros, São Paulo
Telefone: (11) 3061-4051
www.choquecultural.com.br
Terça-feira a sábado, das 12h às 19h
Grátis
Livre

Sob o Peso dos Gigantes por Znort @ Acervo da Choque
Abertura: 4 de dezembro, das 16h às 20h
De 4 a 23 de dezembro (a galeria reabre em 11 de janeiro de 2011)
Rua Medeiros de Albuquerque, 250, Vila Madalena, São Paulo
Telefone (11) 3061-2365
www.choquecultural.com.br
Terça-feira a sábado, das 13h às 18h
Grátis
Livre

1 de dezembro de 2010

Galeria Luisa Strina realiza venda beneficente de obras de arte inéditas

Caetano de Almeida, Cildo Meireles, Eduardo Muylaert e Marepe são os artistas que levantarão fundos para a Associação Civil Anima

A Galeria Luisa Strina realiza sua primeira venda beneficente de obras de arte inéditas com renda totalmente revertida para a Associação Civil Anima, ONG que atende e realiza a integração entre portadores e não portadores do HIV. Os novos trabalhos de Caetano de Almeida, Cildo Meireles, Eduardo Muylaert e Marepe devem arrecadar cerca de R$ 425 mil para a ONG. O evento de lançamento das obras ocorrerá na nova sede da Galeria Luisa Strina no dia 11 de dezembro, das 12h às 17h. Depois dessa data, os interessados poderão recorrer ao acervo da galeria para contribuir com a Anima.

O baiano Marepe exibe seu regionalismo com a serigrafia da série Carimbó. Caetano de Almeida preserva sua pesquisa pictórica e cores vibrantes na serigrafia “Sem Título” (2010). Cildo Meireles também concebeu uma gravura.

Os trabalhos dos três artistas possuem uma edição de 100 exemplares, sendo que os de Marepe e de Caetano de Almeida serão comercializados no valor de R$ 500 cada. Já cada gravura de Cildo Meireles, que recentemente teve sua vida e obra retratada no documentário “Cildo” (2010), será de R$ 3.000. O fotógrafo Eduardo Muylaert mostra “La Baleine”. A tiragem é de 50 fotos, sendo que cada imagem pode ser adquirida por R$ 500.

Este é o sexto ano seguido que a Galeria Luisa Strina destina a renda obtida com obras de arte de artistas para a Associação Civil Anima. Anteriormente, a galeria realizou cinco leilões de artes beneficentes.

A Galeria Luisa Strina exibe ainda, paralelamente, a mostra coletiva “Primeira e Última” no espaço que ocupou por 36 anos e na nova sede, que também expõe a gravura “Glove Trotter” (2010), de Cildo Meireles. O período expositivo se estende até 17 de dezembro.

Serviço

Lançamento de obras de arte da venda beneficente em prol da Associação Civil Anima
Lançamento: 11 de dezembro (sábado), das 12 às 17h
Local: Galeria Luisa Strina (nova sede) - Rua Padre João Manuel, 755
Galeria Luisa Strina (acervo) - Rua Oscar Freire, 502
Horário de visitação: segunda-feira a sexta-feira, das 10h às 19h; sábados das 10h às 17h
Telefone: (11) 3088-2471
Censura: Livre
www.galerialuisastrina.com.br
info@galerialuisastrina.com.br
Entrada gratuita

24 de novembro de 2010

Abre amanhã na Galeria PontoArt exposição de Jamil Kfouri

Arquiteto e paisagista reúne esculturas, desenhos, telas e jóias em mostra do trabalho pessoal

A Galeria PontoArt promove, de 25 de novembro a 18 de dezembro, exposição de Jamil Kfouri, que apresenta pela primeira vez vários telas, desenhos, gravuras, esculturas, cerâmicas e jóias..Com trabalhos profissionais na área de paisagismo – é co-autor do projeto de reurbanização do Vale do Anhangabaú - e de murais e painéis escultóricos para grandes espaços públicos, Kfouri confessa que não consegue ficar sem criar.

“Esta exposição apresenta meu lado artesão, a expressão criativa mais livre”, afirma. Nos projetos profissionais onde estuda a paisagem, Kfouri pontua que a precisão técnica é a tônica. Por outro lado, no meu trabalho artesão, fico livre, solto, apenas com meu prazer de criar.”

As técnicas usadas são o grafite, nankin, pastel e ecoline nos desenhos; baixa e alta temperatura nas cerâmicas e acrílica/óleo sobre as telas. “Quanto as minhas referências. passam pelos desenhos livres de Matisee, no grafismo de Soulage, no monumental de Henry Moore, na pintura difusa de Monet , na expressividade de Portinari e muitos outros. Porém, é na natureza onde encontro minha fonte de formas e cores.

Serviço

Galeria PontoArt - Exposição de Jamil Kfouri
Abertura: 25 de novembro, a partir das 18h30
Exposição: de 26 de novembro a 18 de dezembro
Rua Inácio Pereira da Rocha, 246 - Vila Madalena
Telefone: 11 2548 1661
3ª a 6ª das 11h00 às 18h00
Sábado das 12h00 às 17h00

23 de setembro de 2010

Francine Piaia fará exposição e leilão de seus quadros



Depois de estrear com atriz no teatro, na peça "O que é que a viúva tem?", Francine Piaia agora vai mostrar seus dons para as artes plásticas. Neste sábado, 25 de setembro, a ex-BBB, fará exposição e leilão beneficente de seus quadros, no Centro Cultural Municipal Parque das Ruinas, em Santa Teresa. Toda a verba das vendas dos quadros e do leilão será revertida para a Casa de Apoio à Criança com Câncer Santa Teresa (CACCST).
Francine produziu 115 quadros para o evento. "Há mais de um ano que venho me dedicando aos quadros. São telas, pintadas com tinta acrlica, tinta em alto relevo, e com aplicações das mais variadas, como madeira, botões, feltro, plástico, fuxico, tecidos etc. Tem quadro com motivo mais infantil, outros mais românticos, tem uns mais abstratos, tem para todos os gostos. Baixou o Van Gogh em mim e deu nisso", conta. Além dos quadros, Francine irá leiloar também peças de roupa que usou dentro do BBB, o "benhê baby", boneco de pelúcia que ganhou da mãe quando estava na casa, e uma das tiaras que marcou seu estilo durante o programa.
A exposição será aberta às 11h e o leilão começa às 14h e será comandado pela própria artista, que promete fazer um espetáculo a parte, recheado com seu bom humor característico. "Vou adorar fazer um, dois, três, vendido!", conta animada. "Quero convidar todo mundo para participar desse dia de solidariedade. Garanto que, além de fazer o bem, as pessoas irão se divertir bastante. Sem falar no local onde será o evento, que é belíssimo, um ponto turístico famoso da cidade do Rio", diz a ex-BBB.
Motivos não faltam para comparecer ao evento: animação, lindos quadros e praticar o bem.

31 de agosto de 2010

Arte e Tecnologia comemoram 50 anos de história no Salão Cultural e na Sala Annie Alvares Penteado

História, interatividade e inovação. É nesse contexto que o Museu de Arte Brasileira da Fundação Armando Alvares Penteado (MAB-FAAP) completa seu cinquentenário. A comemoração tem início em 14 de setembro, quando o Salão Cultural e a Sala Annie Alvares Penteado recebem duas grandes exposições: a multimídia "Tékhne", que revisita as principais mostras de arte tecnológica realizadas pelo MAB-FAAP e apresenta obras inéditas de renomados artistas da contemporaneidade; e "Memórias Reveladas", que resgata por meio de recursos visuais o processo de construção da faculdade de artes plásticas, além de homenagear os grandes artistas que contribuíram para sua consolidação. Holografias das principais peças encenadas pelos artistas no Teatro FAAP integram a exposição.

A concepção das exposições teve início há um ano e meio, quando a FAAP deu início à criação do Centro de Memória da instituição, sendo Denise Mattar a coordenadora do trabalho de pesquisa dentro e fora da Fundação. Foram coletadas fotos, documentos, cartas, fichas de professores, de alunos, de exposições e peças de teatro que resultou na publicação de três livros que complementam as comemorações: Arte Brasileira: 50 exposições do MAB-FAAP, com textos das críticas de arte Angélica Moraes e Fernanda Lopes, e da curadora; Teatro FAAP - A História em Cena, escrito pelo crítico de teatro Valmir Santos; e Memórias Reveladas - A atuação cultural da FAAP, que traz a cronologia da construção do Museu de Arte Brasileira, o convênio estabelecido com o MASP, na década de 1950, a transformação da Escola de Artes em Faculdade de Artes Plásticas, nos anos 1970, e os principais acontecimentos que atribuíram à FAAP o reconhecimento na formação de jovens artistas.
Exposições "Memórias Reveladas" e "Tékhne"

ENTRADA FRANCA

Período de visitação:Tékhne: de 14/09 a 14/11
Memórias Reveladas: de 14/09 a 12/12
Horário: de terça a sexta-feira, das 10h00 às 20h00
sábados, domingos e feriados, das 13h00 às 17h00
Local: Museu de Arte Brasileira (MAB-FAAP)
Endereço: Rua Alagoas, 903 - Higienópolis
Informações: (11) 3662-7198
Agendamento de visitas educativas: (11) 3662-7200

5 de agosto de 2010

Exposição no MuBE traz a realidade das ruas das cidades de Santos e São Paulo


É à noite que o alemão Jan Siebert realiza suas pinturas. Esse período é o mais propício para mostrar a essência íntima dos “personagens urbanos”, que serão retratados pelo artista plástico na exposição Aquém do Concreto, no MuBE – Museu Brasileiro da Escultura – a partir de amanhã, dia 6 de agosto.

Em trinta telas pintadas a óleo, algumas delas inéditas, Jan apresenta moradores de rua, prostitutas, frequentadores da noite de São Paulo e de Santos, além das construções antigas das duas cidades. Há também obras que são resultado de sua recente passagem pelo Rio de Janeiro.

Nesse trabalho de cunho realista, o foco principal do artista é o ser humano, muitas vezes ignorado nas metrópoles consumistas e aceleradas pelo trabalho coletivo diário. Não por acaso, Siebert escolheu a noite, quando é possível se aproximar dos “personagens” escolhidos. Ele esteve nos centros e nas periferias e interagiu com as pessoas, trazendo ainda mais realidade às suas obras. Com seu cavalete, pintou ao vivo, detalhes como “expressões corporais” e rachaduras nos imóveis históricos.

Para a curadora da exposição, Lilian Heitor, o artista não mostra apenas o lado sombrio das madrugadas das cidades. “O que prevalece em seu trabalho é uma melancolia romântica. E há beleza nessa vida diferente do ser humano em espaços únicos da cidade”, afirma.
“A escolha da cena demonstra a sua grata aptidão intelectual, um olhar bastante determinado e concentrado, que expressa a emoção do artista e sua busca por desvelar aquele instante, congelar o momento”, completa Lilian.

Serviço:
Exposição “Aquém do Concreto”, do artista alemão Jan Siebert
Total obras: 30 pinturas - óleo sobre tela
Curadoria: Lilian Heitor
Local: Museu Brasileiro da Escultura (MuBE) – Rua Alemanha, 221, Jd.Europa
Aberto ao público: de 6 a 22 de agosto
Horário: de terça a domingo, das 10 às 19 horas
Entrada Franca
Informações:
(11) 2594-2601
www.mube.art.br

28 de julho de 2010

DJ Alemão, Dizzaster e Espíritos Zombeteiros se apresentam no Espaço Soma

O Happy hour do Espaço Soma recebe nessa sexta-, 30 de julho, o DJ Alemão que apresenta os clássicos do funk e hip hop. Já no sábado, 31 de julho, dobradinha explosiva com as bandas Dizzaster e Espíritos Zombeteiros. Nas paredes, o Espaço Soma apresenta a exposição B-Live, de Billy Argel.

Nome chave do Skate e que contribuiu de forma determinante para sua identidade visual, Billy também criou capas de discos para bandas como Ratos de Porão e Cólera e desenvolve um trabalho específico na criação de uma tipografia linkada a esse universo. A mostra apresenta os últimos 4 anos de sua produção, que inclui telas, gravuras e shapes.

O DJ Alemão é skatista toca há mais de 15 anos. Das pistas tirou as bases para as discotecagens em eventos do segmento, o que o levou a ser residente durante anos da clássica festa Popcorn, na Fun House, ao lado do MZK. Segue a linha dos clássicos do funk, soul e hip hop e irá transformar o Espaço Soma num grande baile.

Com boas doses de distorção, sujeira, psicodelia, riffs, solos e refrões marcantes, o Power trio Dizzaster é uma banda de rock de responsa. Os músicos, que já fizeram parte de outras bandas importantes do cenário londrinense, têm claras influências de nomes como MC5=, Iggy Pop & The Stooges, Jimi Hendrix, The Who, Queens of the Stone Age, Jane's Addiction, Primus, Sepultura, Eagles of Death Metal e Nirvana.

Formada por três irmãos maníacos por peso, sujeira e groove, o Espíritos Zombeteiros é herdeiro da tradição Sub-Pop, selo norte-americano que revelou ao mundo Nirvana, Soundgarden, Mudhoney, Nebula e tantos outros. Na sua própria receita, a banda de Londrina-PR inclui ingredientes de Rollins Band, Faith no More, The Red Hot Chili Peppers e Jon Spencer Blues Explosion.

Serviço

Espaço Soma (Espaço Cultural/Loja/Café)
Rua Fidalga 98 - Vila Madalena - São Paulo – SP
Exposições: Terça a quinta-feira das 12h às 20h. Sextas e sábados das 12h à 1h. Entrada gratuita
Happy hour: sextas, a partir das 19h. Entrada: gratuita.
Shows: sábados, às 20h. Entrada: R$ 15,00

Informações:

Telefone: (11) 3031-7945

www.maissoma.com

info@maissoma.com

26 de julho de 2010

Exposição gratuita mostra acervo histórico do museu de Belas Artes



A exposição gratuita “Arte na Academia: acervo histórico”, no Museu de Belas Artes (muBA), começa no próximo dia 04 de agosto em São Paulo. A exposição exibe desenhos, pinturas e esculturas de Alfredo Oliani, Túlio Mugnaini, Lopes de Leão, Colette Pujol, Júlio Guerra, Raphael Galvez, Vicente Di Grado, entre outros.

Parte da comemoração pelos 85 anos do Centro Universitário Belas Artes de São Paulo, a Adicionar imagemexposição resgata o período em que a instituição era denominada “Academia de Belas Artes” (1925-1932) e “Escola de Belas Artes” (1932-1979), com curadoria de William Keri. Em 1925, quando foi fundada, a “Academia de Belas Artes de São Paulo” concentrava quase que sozinha o ensino oficial das artes na cidade.

Todos os nomes expostos estão ligados ao centro universitário. Como curiosidade, Lopes de Leão foi um dos idealizadores da instituição, enquanto Alfredo Oliani foi formando da primeira turma de Artes Plásticas, em 1931, e Vicente Di Grado, que dá nome a uma das Galerias de Exposição do centro universitário, foi um ex-aluno que retornou como professor em 1966. “Arte na Academia: acervo histórico” permanece em exposição até o dia 10 de dezembro.

Serviço:

“Arte na Academia: acervo histórico”
Data: 04 de agosto a 10 de dezembro
Horários: segunda a sexta, 10h às 20h; sábados, das 10h às 16h
Local: Museu de Belas Artes de São Paulo (muBA)
Centro Universitário Belas Artes de São Paulo – Unidade 2 - R. Dr. Álvaro Alvim, 90
Exposição Gratuita

Exposição Drop Shots tem data prorrogada até 01 de agosto




A Livraria da Vila, do Shopping Cidade Jardim, prorroga até 01 de agosto a exposição gratuita Drop Shots, da artista plástica Andrea Laybauer. Com sucesso de visitação, a especialista em macrofotografia de gotas de água se surpreendeu com o grande interesse dos paulistanos. “Recebi muitas mensagens com elogios de pessoas de vários cantos da cidade e que não conheciam ainda meu trabalho”, diz a gaucha.

A I Mostra Drop Shots, que em português quer dizer fotos de gotas, apresenta 30 imagens, inéditas no Brasil, da fusão de duas técnicas em uma mesma foto: “splash” (congelamento do choque entre gotas) e “reflexão de imagem”.

Serviço:

I Mostra Drop Shots, por Andrea Laybauer
Local: Livraria da Vila
Endereço: Avenida Magalhães de Castro, 12000 – Shopping Cidade Jardim
Data: até 01 de agosto de 2010
Segunda a sábado, das 10h às 22h; domingo, das 12h às 20h
Preço: grátis

Informações:

Tel: (11) 3755 5811 (11) 3755 5811
www.andrealaybauer.com

Yumi e Titi Freak abrem exposições no Acervo da Choque e na Choque Cultural


Sob o título UnNatural, Yumi abre sua exposição na galeria Acervo da Choque, em 14 de agosto. No mesmo dia, Titi Freak, seu marido, inaugura a exposição SEMPRE, na Choque Cultural. Embora a estética de seus trabalhos seja distinta, o casal se baseou na coincidência de comemorarem aniversário no mesmo dia para apresentarem trabalhos inéditos. As galerias vão contar com traslado entre si no dia da abertura para o público.

Titi Freak é um dos artistas mais reconhecidos da Choque Cultural e teve papel relevante na construção da identidade da arte pop contemporânea brasileira. Assina a exposição SEMPRE – termo característico em suas pinturas até hoje – e afirma que seus trabalhos inéditos mostram os sentimentos e as sensações que todo individuo tem; momentos e pensamentos particulares.

Trata-se de uma individual que ocupa os três andares da galeria de Pinheiros com trabalhos de grandes dimensões, que é onde o artista consegue revelar sua capacidade de exibir detalhes.
Nela, Titi Freak se firma como pintor e aposta na riqueza de cores, de contrastes e marca seu rumo ao teor mais abstrato de retratos e peixes, complementados por grafismos altamente geométricos. Suas obras usam de madeira e chapas de zinco como suporte para painéis que chegam a medir 3 x 1,8 metros. O artista também utiliza as paredes da galeria para suas intervenções, buscando integrar-se à arquitetura do espaço.

Já Yumi apresenta obras inéditas e continua sua abordagem dos animais como fonte de alimentação, mas não tem ligação com qualquer comportamento vegetariano. Ela está mais interessada em discutir essas sensações conflitantes contidas no processo do sacrifício, num misto de sutil cromatismo e atmosfera lírica que motiva o observador a enxergar sua obra com mais profundidade.

Usando papel canson, apresenta ilustrações em cores mais fortes por meio de tinta óleo e acrílica, além de um pouco de colagem. Também aplica essas cores vivas em painéis de madeira em que trabalha com o processo de desgaste e raspagem da superfície, num misto de expressão gestual e um “quase-realismo”. O público poderá conferir um grande painel de 2 x 1,5 metros e outros de 1 x 1,5 metros e 1 x 0.8 metro.
Serviço

UnNatural por Yumi @ Acervo da Choque
Abertura: 14 de agosto, das 16h às 20h
De 14 de agosto a 2 de outubro
Rua Medeiros de Albuquerque, 250, Vila Madalena, São Paulo
Telefone (11) 3061-4051
www.choquecultural.com.br
galeria@choquecultural.com.br
Sábado, das 13h às 18h, entrada livre
Grátis
Livre

SEMPRE por Titi Freak @ Choque Cultural
Abertura: 14 de agosto, das 16h às 20h
De 14 de agosto a 2 de outubro
Rua João Moura, 997, Pinheiros, São Paulo
Telefone: (11) 3061-4051
www.choquecultural.com.br
galeria@choquecultural.com.br
Terça-feira a sábado, das 12h às 19h
Grátis
Livre

23 de julho de 2010

Artista plástico Jorge dos Anjos lança novo trabalho “Transição” em São Paulo


O artista plástico Jorge dos Anjos lança seu novo trabalho “Transição” na Galeria Espaço 3058A em São Paulo. A Vernissage acontece no dia 27 de julho às 19h e tem participação especial do DJ Pingo e do poeta Zinho Trindade.

Jorge dos Anjos inova ao lançar sobre suas pinturas diversas camadas de pontilhismo, desconfigurando a imagem original de suas telas, buscando uma incursão na linguagem contemporânea da arte. São 16 obras em acrílico sobre tela onde cenas de um Brasil idílico se desfazem sob a opacidade de cores vibrantes e reverberantes.

Serviço

Evento: Exposição “Transição” de Jorge dos Anjos
Vernissage: abertura dia 27 de julho das 19 às 23h.
Data: de 28 de julho a 14 de agosto
Horários: de segunda a quinta-feira, das 10 às 19h; Sextas-feiras, das 10 às 18h e aos sábados das 10 às 14h.
Local: Galeria Espaço 3058A - Rua da Consolação, 3058, Jardins

Informações

Telefone: 11 2506 2144

www.galeria3058a.blogspot.com.

Ultima Postagem

Pressão alta tem aumento de incidência entre mais jovens e idosos

Especialista alerta que doença é silenciosa e destaca a importância da medição da pressão regularmente De acordo com dados do Ministério da ...